Os Estados Unidos registram um segundo caso importado de coronavírus

O paciente também chegou da Arábia Saudita. O doente anterior já recebeu alta médica

Imagem do coronavírus (amarelo) do Instituto Nacional para Alergia e as Enfermidades Infecciosas.
Imagem do coronavírus (amarelo) do Instituto Nacional para Alergia e as Enfermidades Infecciosas.AP

As autoridades sanitárias da Flórida informaram a existência de um segundo caso de coronavírus importado da Arábia Saudita nos Estados Unidos. O paciente está internado e está evoluindo bem, disse o Centro de Controle de Enfermidades em um comunicado.  

É o segundo caso desta doença que se registra no país em 10 dias. O anterior foi um homem que viajou da Arábia para Indiana para visitar a sua família e que já recebeu alta. Os doentes não estão relacionados. Também não houve novos casos entre as pessoas que estiveram em contato com o primeiro dos afetados, e se mantém em observação aos relacionados com o segundo.

O Centro de Controle de Enfermidades recomendou a todas as pessoas que tenham sintomas respiratórios e viajou nas últimas duas semana à península arábica que vão a um especialista.

No dia 6 de maio, o Centro Europeu de Controle de Enfermidades (ECDC) tinha registrados 495 casos desta doença, sendo que 141 vítimas morreram.

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: