Um confronto entre torcidas deixa ao menos quatro hospitalizados

O jogo foi interrompido durante 50 minutos no início do primeiro tempo devido a uma briga entre torcedores do Vasco e do Atlético Paranaense

Torcedores em confronto na partida entre Vasco e Atlético Paranaense. AFP PHOTO/HEULER ANDREY
Torcedores em confronto na partida entre Vasco e Atlético Paranaense. AFP PHOTO/HEULER ANDREY

Ao menos quatro torcedores que assistiam à partida entre o Atlético Paranaense, do Estado do Paraná,  e o time carioca do Vasco neste domingo, estão hospitalizados. O jogo da 38ª rodada do Campeonato Brasileiro mal havia começado e teve de ser interrompido devido a uma grande briga entre as duas torcidas rivais. A partida foi realizada na Arena Joinville, no Estado de Santa Catarina, e o Atlético Paranaense vencia por um a zero, quando, aos 17 minutos do primeiro tempo, uma grande confusão tomou conta da arquibancada.

Segundo alguns sites de esporte, a briga começou depois que a torcida do Vasco invadiu a arquibancada do time rival e não havia nenhum policial para separar. Após alguns minutos, a polícia conseguiu intervir. Segundo a polícia, 160 homens faziam a segurança da partida. Mesmo assim, não conseguiram evitar o choque de torcidas, e pelo menos dois torcedores foram resgatados por um helicóptero para serem transportados ao Hospital Municipal São José. Segundo o hospital, quatro pessoas estão internadas, todas estão conscientes e nenhuma delas corre risco de morte. Um torcedor, porém, está em estado gravíssimo.

A paralisação durou mais de 50 minutos, quando o árbitro decidiu retomar a partida, que é decisiva para ambos os times. O Vasco precisava da vitória para não ser rebaixado para a série B do campeonato, enquanto o Atlético Paranaense tentava vencer para ser classificado para a Copa Libertadores da América. Ao fim da partida, deu Atlético: 5 a 1 para o time do Paraná.