Seleccione Edição
Login
amazonia em chamas
Incêndios na Amazônia fotografados pelo atélite Aqua da NASA. AFP

A Amazônia arde em chamas

13 fotos

Brasil registrou este ano 71.497 focos de incêndio florestal, o maior número para o período nos últimos sete anos. Metade deles na maior floresta tropical do mundo

  • As chamas consomem parte da vegetação em uma área da floresta Amazônica próxima a Porto Velho. O presidente Bolsonaro acusou ONGs de estarem por trás dos incêndios, sem apresentar prova alguma.
    1As chamas consomem parte da vegetação em uma área da floresta Amazônica próxima a Porto Velho. O presidente Bolsonaro acusou ONGs de estarem por trás dos incêndios, sem apresentar prova alguma. REUTERS
  • Bombeiro tenta extinguir as chamas durante incêndio que começou durante a estação de seca em Brasília. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), os incêndios florestais aumentaram 83% com relação ao mesmo período de 2018.
    2Bombeiro tenta extinguir as chamas durante incêndio que começou durante a estação de seca em Brasília. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), os incêndios florestais aumentaram 83% com relação ao mesmo período de 2018. REUTERS
  • Integrantes do corpo de bombeiros de Mato Grosso trabalha em um incêndio florestal no município de Guaranta do Norte. Com focos ativos em vários locais da floresta Amazônica cresce a preocupação dos brasileiros e em outros países com relação à política ambiental do presidente Jair Bolsonaro.
    3Integrantes do corpo de bombeiros de Mato Grosso trabalha em um incêndio florestal no município de Guaranta do Norte. Com focos ativos em vários locais da floresta Amazônica cresce a preocupação dos brasileiros e em outros países com relação à política ambiental do presidente Jair Bolsonaro. AP
  • Pássaro pousa em uma árvore devastada por um incêndio em Brasília. O Inpe assinalou que desde a quinta-feira passada as imagens por satélite detectaram 9.507 novos incêndios florestais, principalmente na bacia do Amazonas.
    4Pássaro pousa em uma árvore devastada por um incêndio em Brasília. O Inpe assinalou que desde a quinta-feira passada as imagens por satélite detectaram 9.507 novos incêndios florestais, principalmente na bacia do Amazonas. REUTERS
  • Uma das áreas afetadas pelas queimadas no Estado de Mato Grosso. A insinuação feita por Bolsonaro de que ONGs podem estar por trás dos incêndios ocorreu pouco depois de uma espessa camada de fuligem e fumaça oriunda da Amazônia escurecer o céu em São Paulo.
    5Uma das áreas afetadas pelas queimadas no Estado de Mato Grosso. A insinuação feita por Bolsonaro de que ONGs podem estar por trás dos incêndios ocorreu pouco depois de uma espessa camada de fuligem e fumaça oriunda da Amazônia escurecer o céu em São Paulo. EFE
  • Cortina de fumaça produzida por um incêndio na Floresta Amazônica próximo a Humaita (AM). O fogo avança inclusive em áreas de proteção ambiental: só nesta semana foram registrados 68 incêndios em territórios indígenas e zonas de conservação.
    6Cortina de fumaça produzida por um incêndio na Floresta Amazônica próximo a Humaita (AM). O fogo avança inclusive em áreas de proteção ambiental: só nesta semana foram registrados 68 incêndios em territórios indígenas e zonas de conservação. REUTERS
  • Imagem capturada pelo satélite Aqua, da NASA, mostra vários incêndios nos estados Amazonas, Pará, Mato Grosso e Rondônia. No Estado de Mato Grosso, um dos mais atingidos pelas chamas, os incêndios aumentaram 205%.
    7Imagem capturada pelo satélite Aqua, da NASA, mostra vários incêndios nos estados Amazonas, Pará, Mato Grosso e Rondônia. No Estado de Mato Grosso, um dos mais atingidos pelas chamas, os incêndios aumentaram 205%. AFP
  • Chamas consomem uma árvore em Brasília. Os incêndios alcançaram repercussão internacional principalmente após que o céu de São Paulo, a 3.000 quilômetros da Amazônia, ficar escurecido na segunda-feira, aparentemente pela fumaça dos incêndios que provinham do norte e do centro-oeste do país.
    8Chamas consomem uma árvore em Brasília. Os incêndios alcançaram repercussão internacional principalmente após que o céu de São Paulo, a 3.000 quilômetros da Amazônia, ficar escurecido na segunda-feira, aparentemente pela fumaça dos incêndios que provinham do norte e do centro-oeste do país. REUTERS
  • Incêndios florestais arrasam a vegetação no estado de Mato Grosso. O Estado vive do agronegócio e é responsável por grande parte da exportação de soja, milho e algodão do Brasil. Ali encontram-se também os parques Chapada dos Guimarães —que já perdeu o 12% de sua vegetação— e Serra de Ricardo Franco, na fronteira com Bolívia.
    9Incêndios florestais arrasam a vegetação no estado de Mato Grosso. O Estado vive do agronegócio e é responsável por grande parte da exportação de soja, milho e algodão do Brasil. Ali encontram-se também os parques Chapada dos Guimarães —que já perdeu o 12% de sua vegetação— e Serra de Ricardo Franco, na fronteira com Bolívia. AP
  • Zona devastada pelos incêndios em Brasília. Os incêndios florestais são comuns na estação seca, mas também são provocados deliberadamente por agricultores que queimam ilegalmente terras para a criação de gado.
    10Zona devastada pelos incêndios em Brasília. Os incêndios florestais são comuns na estação seca, mas também são provocados deliberadamente por agricultores que queimam ilegalmente terras para a criação de gado. REUTERS
  • Homem trabalha em meio às chamas na floresta Amazônica. Em 16 de agosto a Noruega anunciou o congelamento do repasse de 30 milhões de euros para os projetos de conservação na região.
    11Homem trabalha em meio às chamas na floresta Amazônica. Em 16 de agosto a Noruega anunciou o congelamento do repasse de 30 milhões de euros para os projetos de conservação na região. REUTERS
  • Entre as medidas controversas de Jair Bolsonaro estava a possibilidade de usar o Fundo Amazônia para indenizar proprietários de terra expropriados ou que estão em áreas protegidas. Na imagem, um tronco carbonizado em um trecho da floresta.
    12Entre as medidas controversas de Jair Bolsonaro estava a possibilidade de usar o Fundo Amazônia para indenizar proprietários de terra expropriados ou que estão em áreas protegidas. Na imagem, um tronco carbonizado em um trecho da floresta. REUTERS
  • Um bombeiro participa nos trabalhos de extinção de um incêndio em Brasília (Brasil), o 21 de agosto de 2019.
    13Um bombeiro participa nos trabalhos de extinção de um incêndio em Brasília (Brasil), o 21 de agosto de 2019. REUTERS