Moda

Morre Karl Lagerfeld

O estilista da Chanel e da Fendi, também fotógrafo e ilustrador, faleceu em Paris aos 85 anos

O estilista Karl Lagerfeld.
O estilista Karl Lagerfeld.

Mais informações

Karl Lagerfeld, estilista da casa Chanel e Fendi, morreu terça-feira em Paris. Na segunda-feira, ele havia sido hospitalizado com urgência, conforme foi anunciado pela mídia francesa em veículos especializados como Paris Match, Closer, e WWD, que citam fontes próximas ao estilista.

Lagerfeld, alemão de nascimento, tinha 85 anos, sendo 35 no comando da casa Chanel. Em janeiro passado, chamou atenção que o criador não compareceu ao desfile da empresa, uma data que nunca faltou. O burburinho em torno de sua ausência, aliás, foi o ponto alto do show. No final, ele apareceu para cumprimentar seu braço direito, Virginie Viard. "Ele se sentiu cansado", disseram à época. Era o prelúdio de uma retirada.

O chamado kaiser da moda, um dos estilistas mais famosos do planeta, tornou-se diretor artístico de Chanel em 1982, conseguindo ressuscitar uma empresa considerada antiquada. Ele criou 10 coleções anuais para a casa francesa e outras duas para a italiana Fendi, num processo criativo intenso - ele mesmo se definia como "uma máquina". Havia anunciado recentemente uma colaboração com a estilista Carine Roitfeld, um das muitas uniões criativas em que participava. Lagerfeld gostava ainda de fazer ele mesmo as fotografias de suas campanhas, uma das últimas com Penélope Cruz como musa.

Não se sabe o que acontecerá com sua sucessão. O estilista não gostava de discutir essa questão e dizia sobre si mesmo que era "imortal". Solteiro e sem filhos, também não se sabe quem, além de seu famoso gato Choupette, que se tornou ícone nas redes sociais, herdará sua fortuna.