Seleccione Edição
Login
Vista aérea de Paradise depois do incêndio florestal.
Vista aérea de Paradise depois do incêndio florestal. AFP

Paradise, a cidade convertida em cinzas, vista de cima

8 fotos

O fotógrafo da Agência France Press Josh Edelson retrata, a partir do céu, a cidade californiana arrasada pelas chamas, uma semana depois do início dos gigantescos incêndios florestais que estão devastando a Califórnia

  • Uma semana após o início dos dois gigantes focos de incêndio que seguem ativos no norte e sul da Califórnia, os bombeiros conseguiram avançar em meio ao fogo e encontraram 66 corpos, e há ainda ao menos 1.000 desaparecidos. Na imagem, casas queimadas nas redondezas da cidade californiana de Paradise, no último dia 15.
    1Uma semana após o início dos dois gigantes focos de incêndio que seguem ativos no norte e sul da Califórnia, os bombeiros conseguiram avançar em meio ao fogo e encontraram 66 corpos, e há ainda ao menos 1.000 desaparecidos. Na imagem, casas queimadas nas redondezas da cidade californiana de Paradise, no último dia 15. AFP
  • Na imagem, vista aérea de uma zona residencial próxima a Paradise depois de ser devorada pelas chamas, no dia 15 de novembro.
    2Na imagem, vista aérea de uma zona residencial próxima a Paradise depois de ser devorada pelas chamas, no dia 15 de novembro. AFP
  • A maioria dos desaparecidos reside na população de Paradise, de 26.000 habitantes, que foi completamente engolida pelas chamas. Na imagem, os escombros de várias casas destroçadas pelo incêndio, no dia 15 de novembro.
    3A maioria dos desaparecidos reside na população de Paradise, de 26.000 habitantes, que foi completamente engolida pelas chamas. Na imagem, os escombros de várias casas destroçadas pelo incêndio, no dia 15 de novembro. AFP
  • Paradise encontra-se no pé da Serra Nevada norte-americana, com um clima seco e ensolarado que no último meio século atraiu muitos aposentados, o que fez com que a população se triplicasse em 50 anos. Na imagem, vista aérea de uma zona residencial de Paradise, no 15 de novembro.
    4Paradise encontra-se no pé da Serra Nevada norte-americana, com um clima seco e ensolarado que no último meio século atraiu muitos aposentados, o que fez com que a população se triplicasse em 50 anos. Na imagem, vista aérea de uma zona residencial de Paradise, no 15 de novembro. AFP
  • A maioria das pessoas que aparecem na lista de desaparecidos tem mais de 60 anos. Na imagem, estragos causados pelas chamas em Paradise, no 15 de novembro.
    5A maioria das pessoas que aparecem na lista de desaparecidos tem mais de 60 anos. Na imagem, estragos causados pelas chamas em Paradise, no 15 de novembro. AFP
  • De acordo com os cálculos mais recentes, o incêndio queimou um total de 10.321 edifícios, 8.650 deles residências particulares, e arrasou com 56.655 hectares. Na imagem, casas carbonizadas vistas de cima na localidade californiana de Paradise, no dia 15 de novembro.
    6De acordo com os cálculos mais recentes, o incêndio queimou um total de 10.321 edifícios, 8.650 deles residências particulares, e arrasou com 56.655 hectares. Na imagem, casas carbonizadas vistas de cima na localidade californiana de Paradise, no dia 15 de novembro. AFP
  • O governador da Califórnia, Jerry Brown, e o secretário de Interior norte-americano, Ryan Zinke, visitaram nesta quarta-feira a zona afetada e prometeram auxílio estatal e federal para ajudar nas tarefas de recuperação. Na imagem, zona residencial devorada pelas chamas em Paradise, no dia 15 de novembro.
    7O governador da Califórnia, Jerry Brown, e o secretário de Interior norte-americano, Ryan Zinke, visitaram nesta quarta-feira a zona afetada e prometeram auxílio estatal e federal para ajudar nas tarefas de recuperação. Na imagem, zona residencial devorada pelas chamas em Paradise, no dia 15 de novembro. AFP
  • Os efeitos do fogo alcançam a área da baía de San Francisco, onde vivem cerca de 7 milhões de pessoas e a 280 quilômetros de distância do incêndio, onde desde a quinta-feira passada se mantém ativado um alerta pela má qualidade do ar por causa da fumaça. Na imagem, casas afetadas pelo incêndio florestal na cidade californiana de Paradise, no dia 15 de novembro de 2018.
    8Os efeitos do fogo alcançam a área da baía de San Francisco, onde vivem cerca de 7 milhões de pessoas e a 280 quilômetros de distância do incêndio, onde desde a quinta-feira passada se mantém ativado um alerta pela má qualidade do ar por causa da fumaça. Na imagem, casas afetadas pelo incêndio florestal na cidade californiana de Paradise, no dia 15 de novembro de 2018. AFP