Copa do Mundo Rússia 2018

Colômbia sofre com expulsão no início e perde para o Japão

Um pênalti e a exclusão de Carlos Sanchez logo aos 3 minutos de jogo definiram os rumos da partida. É a primeira vez que um time asiático vence um sul-americano em copas do mundo

O momento em que Osako finaliza para o segundo gol do Japão.
O momento em que Osako finaliza para o segundo gol do Japão.Vadim Ghirda (AP)

A Colômbia entrava como favorita contra o Japão, que mal sabia quais seriam seus titulares dias antes da estreia na Copa do Mundo da Rússia. Tudo o que se esperava para o jogo mudou, contudo, logo aos três minutos de partida, quando Carlos Sánchez bloqueou com o braço, dentro da área, um chute que tinha o rumo do gol. Pênalti para o Japão e cartão vermelho para o defensor colombiano. Kagawa foi para a bola e abriu o placar para os japoneses.

Mais informações

A expulsão e a desvantagem numérica levaram a Colômbia a se lançar ao ataque, abrindo espaços para o ataque japonês, que perdeu duas chances de ampliar o placar ainda no primeiro tempo. O ataque colombiano também pouco conseguia produzir, até Falcao Garcia cavar uma falta na entrada da área japonesa. Quintero, o substituto de James Rodríguez, bateu por baixo da barreira e empatou a partida no fim do primeiro tempo, dando ânimo aos colombianos.

Mas os japoneses voltaram melhor para o segundo tempo e, após pressão, ampliaram o marcador os 27 minutos da etapa final. Osako escorou cobrança de escanteio de cabeça para o fundo da rede de Ospina. O treinador José Pékerman ainda colocou James e Bacca em campo, mas a desvantagem numérica impediu qualquer chance de reação colombiana.

Veja como foi a partida entre Colômbia e Japão: