Seleccione Edição
Login

Netflix indeniza Claire Foy porque ela recebia menos que Matt Smith em ‘The Crown’

A empresa pagou cerca de 960.000 reais à atriz, que recebeu 48.000 reais a menos por capítulo que seu colega de elenco

Claire Foy e Matt Smith em uma cena de 'The Crown'.
Claire Foy e Matt Smith em uma cena de 'The Crown'.

Quando vemos The Crown pela primeira vez, há uma coisa que fica clara desde a primeira cena: a protagonista indiscutível da trama é a Rainha Elizabeth II, personagem interpretada pela atriz Claire Foy. Com este primeiro ponto claro, qualquer um pensaria que, sendo a rainha, Foy teria que ter a melhor remuneração do elenco ou, pelo menos, receber o mesmo que Matt Smith, o coprotagonista, que interpreta o príncipe Philip de Edimburgo. A surpresa foi grande quando os produtores da série revelaram que ela havia ganhado menos que seu colega, especificamente 48.000 reais por capítulo. Um erro que a Netflix, produtora da ficção, parece querer emendar compensando a atriz com 200.000 libras, cerca de 960.000 reais.

A atriz recebeu 139.000 reais por cada um dos 20 capítulos que a série tem no momento, um valor consideravelmente menor do que os 187.000 reais que foi embolsado por seu colega Matt Smith. Os produtores da série da Netflix, uma das mais caras da história, disseram que o ator recebeu mais devido à sua maior fama televisiva, por ter sido protagonista durante quatro temporadas de Doctor Who, um clássico da televisão britânica. Finalmente, os produtores se viram obrigados a se desculpar.

Não é a primeira vez que as desigualdades salariais são conhecidas no mundo da televisão. Ellen Pompeo, protagonista de Grey's Anatomy, revelou há alguns meses sua luta pelo que acreditava "merecer". Em 2016, Robin Wright também contou como chegou a dar um ultimato aos responsáveis de House of Cards para que seu salário fosse igual ao do marido na ficção, interpretado por Kevin Spacey. A solicitação foi aceita.

Uma das poucas atrizes que parece se livrar da diferença salarial no mundo audiovisual é Millie Bobby Brown, uma das protagonistas de Stranger Things. A introvertida e estranha Eleven, conseguiu, com apenas 14 anos, vencer a diferença salarial que historicamente tem oprimido as mulheres. Como informado no mês passado pelo portal norte-americano TMZ, a atriz britânica embolsará cerca de 350.000 dólares (1,2 milhão de reais) por cada episódio da nova temporada de sucesso da Netflix. Desta forma, a intérprete vai receber cerca de 100.000 dólares a mais (cerca de 350.000 reais) por episódio do que Gaten Matarazzo, Finn Wolfhard, Caleb Mclaughlin e Noah Schnapp, seus colegas de elenco.

MAIS INFORMAÇÕES