Cerveja

O truque simples para saber se o copo de cerveja está limpo

A partir de agora, você não voltará a ver as borbulhas e a espuma da mesma maneira

Se as borbulhas, ao subirem, tiverem a tendência a grudar nas paredes do copo, isso é mau sinal.
Se as borbulhas, ao subirem, tiverem a tendência a grudar nas paredes do copo, isso é mau sinal.

Além da cor, há duas coisas das quais nenhum fã de cerveja não pode tirar os olhos quando tem um chope à sua frente: a bendita espuma e essas diminutas borbulhas que sobem constantemente no interior do copo. Pois bem: estes dois elementos, segundo seu comportamento, podem indicar que o copo está sujo.

Como mostra um vídeo da cervejaria norte-americana Miller Coors, destinado a profissionais do setor, se as borbulhas, ao subirem, tiverem a tendência a grudar nas paredes do copo, estamos diante de um recipiente que não foi bem lavado. Pode conter restos de sabão, o que na melhor das hipóteses irá prejudicar o sabor da cerveja.

A explicação é simples: a sujeira forma pequenas asperezas na superfície interna do copo, que permitem que as borbulhas tenham um lugar onde se agarrar em sua ascensão. Essas saliências imperceptíveis contribuem, por sua vez, para a formação de novas borbulhas, que continuarão o mesmo processo. Esse mesmo mecanismo fará com que a espuma desapareça mais rapidamente.

O vídeo também explica como você pode assegurar que o copo está limpo quando bebe cerveja em casa. Basta mergulhá-lo (vazio) na água. Se ao tirá-lo a água recobrir o interior de maneira uniforme, está tudo limpeza. Se houver a formação de gotas no interior, é melhor pegar outro copo.