Champions League

Sergio Ramos: “Parece que aqui todos fomos criados em Beverly Hills”

Diante da campanha do Atlético nas redes sociais, o capitão do Real Madrid diz que em seu time também há “muitos princípios” e “gente de bairro”

Sergio Ramos, em coletiva de imprensa.
Sergio Ramos, em coletiva de imprensa.ÁLVARO GARCÍA (ATLAS)

Antes da final de Lisboa, Sergio Ramos apareceu ao lado de Iker Casillas e falou do esforço, da entrega e do suor como os valores do Real Madrid. O Atlético de Madri, depois da primeira partida pela semifinal da Champions League (derrota por 3x0) e chateado com o mosaico exibido nas arquibancadas do Santiago Bernabéu (que exibia a frase “Diga-me como se sente” e as palavras Lisboa e Milão, as duas últimas finais em que o Real Madrid venceu o Atlético), lançou uma campanha nas redes sociais. A hashtag: #nolopuedenentender (não podem entender). O último tuíte, de segunda-feira à noite, diz: “Humildade, Esforço, Equipe, Rebeldia”, #nolopuedenentender.

Mais informações

Zidane e Sergio Ramos, que foram juntos à sala de imprensa de Valdebebas, foram perguntados sobre essa campanha, se o time estaria chateado. O técnico disse que são coisas entre torcedores e que não iria discutir o assunto. Sergio Ramos, por sua vez, fez questão de responder. “Para mim, é indiferente que se apropriem de valores como o esforço, o sacrifício e o suor... Parece que aqui todos fomos criados em Beverly Hills e com uma conta corrente de 40 para cima. Aqui também há gente de bairro, com muitos princípios e educação. O que as pessoas dizem é respeitável; não vai mudar nada o jogo de amanhã. Vamos continuar com nossos valores e sacrifícios”, disse o capitão, que marcou na final de Lisboa e também na de San Siro.

Zidane repetiu a mesma mensagem da primeira partida, que é preciso esquecer o passado e entrar em campo sem pensar no 3x0 colhido no Bernabéu. “Vão nos encurralar com certeza; vão nos impedir de fazer qualquer coisa com suas armas. Nós vamos tentar seguir nosso caminho, que nos trouxe até aqui. A ideia é a mesma: tentar fazer o máximo desde o primeiro minuto”, analisou o técnico, que vai contar com Varane e, possivelmente, também com Pepe. A dúvida é quem vai ocupar a lateral de Carvajal. As opções: Danilo e Nacho.