Seleccione Edição
Login
Youssef Souqi, 9, da Síria. "Meu irmão está sozinho na Alemanha. Meu maior sonho é nós todos juntos de novo, dentro da nossa casa. Não importa onde". André Naddeo
12 fotos

“Meu irmão está só na Alemanha. Meu sonho é nós todos juntos. Não importa onde”

André Naddeo, jornalista brasileiro que trabalha como voluntário no porto de Pireu, na Grécia, cria o projeto Drawfugees, no qual as crianças expõem seus sentimentos desenhando

  • Refugiados
    1O jornalista brasileiro André Naddeo pediu a um grupo de crianças para que desenhassem o que quisessem. Aqui, algumas das histórias que ele retrata no projeto Drawfugees: Mohamed Al Jabeb, 8, da Síria. "Essa árvore estava no meu jardim. Eu e meu irmão brincávamos lá até alguém cortar ela. Meu pai me ajudou no desenho. Eu não desenho muito bem, mas essa é a minha recordação da Síria". Ir para a notícia
  • Sana Shirzad, 6, afegã. "Essa é a nossa casa sendo bombardeada pelos americanos. Até o Bob Esponja está desesperado. Ao lado, meu coração triste deixa o Afeganistão".
    2Sana Shirzad, 6, afegã. "Essa é a nossa casa sendo bombardeada pelos americanos. Até o Bob Esponja está desesperado. Ao lado, meu coração triste deixa o Afeganistão".
  • Román Sarzid, 13, do Afeganistão: "Meu país, onde eu estou hoje, e o Bob Esponja, que é o meu desenho preferido. Você gostou?"
    3Román Sarzid, 13, do Afeganistão: "Meu país, onde eu estou hoje, e o Bob Esponja, que é o meu desenho preferido. Você gostou?"
  • Lulu, 6 anos, da Síria: "Eu desenhei um barco. Foi assim que vim para a Grécia. Em um barquinho".
    4Lulu, 6 anos, da Síria: "Eu desenhei um barco. Foi assim que vim para a Grécia. Em um barquinho".
  • Simav, 5, da Síria. "Meu cachorro, minha tartaruga, o sol, as árvores... minha casa".
    5Simav, 5, da Síria. "Meu cachorro, minha tartaruga, o sol, as árvores... minha casa".
  • Fatima, 5, Síria. "Eu não sei desenhar muito bem... Eu sou tímida".
    6Fatima, 5, Síria. "Eu não sei desenhar muito bem... Eu sou tímida".
  • Frdos, 14, Afeganistão. "Eu sou afegão, então eu decidi colar do lado do meu coração. Eu tenho muito orgulho de ser afegão e eu quero que todos saibam isso"
    7Frdos, 14, Afeganistão. "Eu sou afegão, então eu decidi colar do lado do meu coração. Eu tenho muito orgulho de ser afegão e eu quero que todos saibam isso"
  • Rauan Taleb, 6, Síria. "Essa sou eu. Eu adoro desenhar. Me faz sentir como se eu estivesse dentro do meu próprio sonho".
    8Rauan Taleb, 6, Síria. "Essa sou eu. Eu adoro desenhar. Me faz sentir como se eu estivesse dentro do meu próprio sonho".
  • Ahmad Arnawt, 12, Síria. "Eu estou sozinho aqui. Toda a minha família ainda está tentando sobreviver. Esse desenho representa o meu pai, a minha mãe e o meu irmão. E o meu país. Às vezes, eu fecho os olhos e me sinto em casa. Eu sinto muita saudades".
    9Ahmad Arnawt, 12, Síria. "Eu estou sozinho aqui. Toda a minha família ainda está tentando sobreviver. Esse desenho representa o meu pai, a minha mãe e o meu irmão. E o meu país. Às vezes, eu fecho os olhos e me sinto em casa. Eu sinto muita saudades".
  • Asma Snirzad, 8, Afeganistão. "Rosas vermelhas, amor... Tudo o que nós precisamos é de amor aqui".
    10Asma Snirzad, 8, Afeganistão. "Rosas vermelhas, amor... Tudo o que nós precisamos é de amor aqui".
  • Youssef Souqi, 9, da Síria. "Meu irmão está sozinho na Alemanha. Meu maior sonho é nós todos juntos de novo, dentro da nossa casa. Não importa onde".
    11Youssef Souqi, 9, da Síria. "Meu irmão está sozinho na Alemanha. Meu maior sonho é nós todos juntos de novo, dentro da nossa casa. Não importa onde". Ir para a notícia