Exercício Físico

VÍDEO | O desafio dos 4 minutos: cinco exercícios para exibir glúteos duros

Um bumbum em forma ajuda a melhorar a região lombar e prevenir dores nas costas

“A mudança, tanto física quanto mental, é questão de atitude”. Quem diz essa frase inatacável é Gonzalo Maganto, um dos homens que mais sabem sobre como aplicar os esforços físicos adequados para melhorar a saúde e a força mental. Esse técnico superior em atividades físicas e esportivas trabalha há 20 anos fazendo as pessoas melhorarem com seus treinamentos e conselhos. Ele preparou uma série para o ICON, O desafio dos 4 minutos.

Em um vídeo com essa duração ele apresenta exercícios perfeitos para fortalecer partes específicas do corpo. “A primeira coisa a fazer é se conscientizar para não se deixar levar pelo instinto do sedentarismo. Nosso corpo tende ao relaxamento. E é preciso se mexer. O corpo é uma máquina que precisa se movimentar”, diz Maganto, um espanhol de 39 anos, como regra geral.

Mais informações

Atenção, não estamos falando apenas de questões estéticas. “Um bumbum duro ajuda a melhorar o estado das costas. É preciso ter em mente que são músculos que, se estiverem fortes, trazem positividade à região lombar e previnem as dores nas costas”, informa nosso especialista. E, obviamente, isso não tem nada a ver com o sexo: serve tanto para homens quanto para mulheres.

Estes cinco exercícios são pouco exigentes: podem ser feitos em casa (uma vassoura é a única coisa necessária) e por qualquer pessoa, independentemente da idade e da condição física. “O melhor é fazê-los de manhã e depois (transcorridos cerca de 15 minutos) de um café da manhã leve, como uma torrada com azeite, café ou um suco de frutas. Há estudos que dizem que depois de um pouco de atividade física você rende mais no trabalho. Você chega mais aceso”, indica Maganto.

Como muita gente começa a trabalhar bem cedo ou tem que levar as crianças para a escola e não tem esse tempo, Maganto aconselha: “Trata-se de executá-lo bem. Tem gente que faz isso com angústia, como uma obrigação. Isso acaba não funcionando. É possível fazer a qualquer hora do dia, mas sempre com calma, sem pressa, no seu ritmo”.

Embora o desafio do nosso treinador seja realizar os exercícios em quatro minutos, não é preciso atingir essa marca. “Seria bom fazer entre 10 e 15 repetições de cada exercício e três séries. No total, trata-se de investir cerca de 20 minutos por dia, três ou quatro dias por semana”. Só falta falar dos ansiados resultados. “Depende da genética de cada um, mas, em geral, em um mês já é perceptível. Talvez não se você olhar no espelho, mas internamente sim”, afirma. E dá um exemplo: “Depois de um mês, suba as escadas da sua casa e verá que rapidez...”.

Arquivado Em:

Mais informações

Pode te interessar

O mais visto em ...

Top 50