Copa do Mundo 2014 | URUGUAI

Suárez é suspenso do próximo jogo contra a Colômbia por causa da mordida

O atacante uruguaio não poderá jogar futebol até o final de outubro em nenhuma competição Ele não poderá jogar na próxima partida e está fora da Copa do Mundo

REUTERS / REUTERS LIVE

A Comissão Disciplinar da FIFA castigou na manhã desta quinta-feira o jogador uruguaio Luis Suárez com a suspensão por nove partidas internacionais, e a proibição de exercer qualquer atividade futebolística durante quatro meses a partir de agora, por causa da mordida que deu no jogador da defesa italiana Chiellini no jogo da terça-feira passada entre Itália e Uruguai. A FIFA, que o considera culpado por ter violado o artigo 48 do Código Disciplinar da FIFA (agressão a outro jogador) e 57 (conduta ofensiva e falta de fair play) aplicará o castigo a partir do jogo das oitavas de final neste sábado, entre Colômbia e Uruguai. O resta do castigo será aplicado nas seguintes partidas do Uruguai na Copa do Mundo se a seleção Celeste seguir avançando no torneio, ou nas partidas oficiais seguintes.

De acordo com o artigo 22 do Código, o atacante uruguaio do Liverpool não poderá exercer atividade alguma relacionada com o futebol (seja administrativa, desportiva ou de qualquer outra classe) e nem entrar em nenhum estádio durante a duração da proibição. O jogador também não poderá entrar nos recintos do estádio em que a seleção uruguaia estiver disputando um jogo enquanto estiver cumprindo com as nove partidas de suspensão. Por último, foi imposta uma multa no valor de 247.260 reais. Não cabe apelação à medida, que já foi comunicada ao jogador e à Associação Uruguaia de Futebol. Um porta-voz da FIFA afirmou que a sanção não impediria Suárez de ser contratado por outro clube.

Essa é a terceira vez que o atacante uruguaio é castigado por um ato como esse. E, neste caso, ainda que a federação uruguaia alegue, a sanção não se suspenderia. Anteriormente, impuseram a ele sete partidas de suspensão quando mordeu Bakkal, ainda quando era jogador do Ajax e depois o castigaram com a suspensão de mais 10 jogos quando mordeu Ivanovic já no Liverpool.

Arquivado Em: