Sarkozy rumo à turnê norte-americana de Carla Bruni

Antes de cruzar o Atlântico, a ex-modelo fará a apresentação de um programa da BBC

Carla Bruni e Nicolas Sarkozy na estação Paris Est, em março.
Carla Bruni e Nicolas Sarkozy na estação Paris Est, em março.Cordon Press

Há alguns meses, a cantora e ex primeira dama Carla Bruni admitia que gostava da ideia de fazer uma turnê, mas que ficava muito cansada. “Espero aguentar até o final!”, relatava ao diário La Voix du Nord, sobre os shows que a levaram a todas as grandes cidades francesas, sempre acompanhada por seu marido Nicolas Sarkozy. A ex-modelo vai agora cruzar o Atlântico para fazer uma série de três apresentações para promover seu último trabalho, Little French Songs. E  Sarkozy decidiu participar da viagem. "Sinceramente, ela passou quase cinco anos me apoiando. Eu posso ajudá-la durante cinco meses”, explicou ele no início da turnê pela França.

Mas a ampliação de seu tour até o outro lado do oceano junto a seu marido não é tudo. Antes de voar para os Estados Unidos e Canadá, a ex primeira dama encontrou tempo para gravar um programa especial para a emissora britânica BBC sobre a música francesa, que será transmitido na Europa no próximo dia 15 de maio.

O programa, dividido em três partes e batizado de Postcards from Paris (Postais de Paris), converte Bruni em uma verdadeira embaixadora da música francesa, e foi gravado no mesmo estúdio londrino onde ela gravou seus quatro discos. Durante uma hora, Bruni fará uma revisão dos grandes nomes do gênero, desde Brassens a Piaf, passando por Trenet e Aznavour. “Escrever em francês é o que o converte em Chansons Françaises”, explica Bruni, a mais francesa das italianas, no comunicado da BBC. “O inglês tem muito ritmo. O italiano é muito melódico. O bom do francês é que é muito descritivo”.

A intervenção de Bruni faz parte de uma série que o canal britânico deu carta branca a outras personalidades femininas do mundo da música, como Dolly Parton e Ana Matronic, do grupo Scissor Sisters. “Estes programas nos apresentam personagens fantásticas. Nos darão uma visão pessoal fascinante e profunda destes gêneros musicais”, relata por sua vez Bob Shennan, diretor da BBC Music.

Com o programa já gravado, Bruni se ruma à América do Norte. Embora ela tenha tido que anular uma das datas previstas, em Montreal no dia 23 de abril pela baixa quantidade de ingressos vendidos, atuará na cidade no dia 21 e seguirão para Nova York e Los Angeles. A cantora aproveitará sua ida ao continente para passar pelos canais de televisão, incluída uma esperada entrevista no programa de Ellen DeGeneres. De volta às salas francesas em maio, Bruni viajará de novo no final do mês, desta vez a Tel Aviv. Sua última data prevista será em Barcelona, no dia 19 de junho, para participar do Festival de Pedralbes.