Seleccione Edição
Login

A Avenida Paulista, fronteira da velha São Paulo

Local de moradia dos barões do café no início, a rua foi conquistada pelos cidadãos

  • Avenida Paulista, o símbolo de São Paulo, vazia.
    1Avenida Paulista, o símbolo de São Paulo, vazia.
  • Grupo de black blocs. A onda de protestos iniciada em junho pelo aumento de 20 centavos no transporte público de São Paulo devolveram a avenida Paulista ao seu papel de fronteira simbólica.
    2Grupo de black blocs. A onda de protestos iniciada em junho pelo aumento de 20 centavos no transporte público de São Paulo devolveram a avenida Paulista ao seu papel de fronteira simbólica.
  • Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra.
    3Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra.
  • Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra
    4Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra
  • Projetada no século XIX como lugar de residência, consagrou-se nos anos 1990, durante as passeatas contra o então presidente Collor, como um território a ser conquistado pelo cidadão.
    5Projetada no século XIX como lugar de residência, consagrou-se nos anos 1990, durante as passeatas contra o então presidente Collor, como um território a ser conquistado pelo cidadão.
  • Grupo de black blocs. A onda de protestos iniciada em junho pelo aumento de 20 centavos no transporte público de São Paulo devolveram a avenida Paulista ao seu papel de fronteira simbólica.
    6Grupo de black blocs. A onda de protestos iniciada em junho pelo aumento de 20 centavos no transporte público de São Paulo devolveram a avenida Paulista ao seu papel de fronteira simbólica.
  • Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra.
    7Quatro meses depois do início dos protestos de junho, movimentos sociais fazem passeata contra o leilão de privatização da jazida de Libra.