As mansões dos famosos na Califórnia ameaçadas pelos incêndios

O fogo, que já deixou 31 mortos, atinge as casas de Caitlyn Jenner e Gerard Butler

O ator e produtor, Gerard Butler, junto a sua casa destruída em Malibu. No vídeo, mais de 30 mortos e 100 desaparecidos no incêndio que afeta a Califórnia.FOTO: GERARD BUTLER (INSTAGRAM) | VÍDEO: ATLAS

O incêndio que afeta o condado californiano de Ventura, e que ja matou mais de 30 pessoas, levou a evacuação das cidades Malibu e Calabasas, onde moram várias estrelas de Hollywood, como o ator e produtor Gerard Butler, que postou uma foto no Instagram ao lado de sua casa destruída em Malibu. Várias celebridades também compartilharam nas redes sociais sua experiência durante a desocupação, expressando solidariedade com a população local e seu medo de que o incêndio arruínasse suas propriedades.

A cantora Lady Gaga compartilhou fotos no Instagram que mostram como ela deixou sua casa em Malibu e o diretor mexicano Guillermo del Toro postou uma mensagem no Twitter comemorando estar vivo, mas lamentando a possível perda de seus itens de colecionador. Enquanto isso, a celebridade Kim Kardashian, que teve que evacuar sua casa quinta-feira passada junto com seus três filhos, pela proximidade das chamas, postou a seguinte mensagem em sua conta no Instagram: "Vamos orar por Calabasas. Eu só tinha uma hora para embalar tudo e evacuar a casa ".

Além disso, a revista TMZ publicou que a ex-atleta olímpica e atual personalidade da televisão Caitlyn Jenner perdeu sua casa no incêndio. O ator Charlie Sheen pediu ajuda no Twitter para localizar seus pais, Janet e o ator Martin Sheen. Outros atores e atrizes que também tiveram que deixar suas casas afetadas são Roma Downey, Alyssa Milão, Rainn Wilson, Eddie McClintock e Melissa Etheridge.

O "Woolsey Fire", como foi chamado o incêndio, queimou até agora 14.000 hectares e forçou a evacuação de 75.000 residências nos condados de Ventura e Los Angeles. Paralelamente, outro incêndio queima áreas do norte da Califórnia perto de Chico, a cerca de 280 quilômetros de São Francisco. O chamado "Camp Fire", que avançou em alta velocidade graças à seca do terreno e ventos fortes, causou a morte de nove pessoas, enquanto outras 35 continuam desaparecidas, já engoliu milhares de edifícios na cidade do Paraíso (26.000 habitantes) e queimou 36.420 hectares.

Arquivado Em: