Campeonato Espanhol

Real Madrid empata com o Barcelona por 1 a 1 com gol no último minuto

Gols foram marcados no segundo tempo por Suárez e Sergio Ramos

Messi e Marcelo em Barça x Real.
Messi e Marcelo em Barça x Real.J. LAGO / AFP

Num dia tão triste para o futebol, em que o velório das vítimas do voo da Chapecoense foi o foco das atenções, o resultado de Barcelona e Real Madrid ficou em segundo plano. Tanto é que foi antes da bola rolar que aconteceu o grande momento do encontro. Juntos, os jogadores das duas equipes se abraçaram em frente a uma placa que dizia "Fuerza Chapecoense". A enorme rivalidade ficou de lado por alguns minutos em mais uma manifestação notável de solidariedade no mundo do futebol desde terça-feira.

Dentro de campo, os dois times não pareciam inspirados. O empate por 1 a 1 entre Barcelona e Real Madrid, gols marcados por Suárez e Sergio Ramos, foi um placar justo no clássico válido pela 14ª rodada do Campeonato Espanhol. O resultado manteve o Real na ponta da tabela, com 34 pontos, 6 a mais que o Barça, segundo colocado.

Mesmo jogando em casa, o Barça passou o primeiro tempo inteiro correndo atrás do adversário, que mandou nos 45 minutos iniciais principalmente no setor defensivo. A defesa visitante acertou a marcação em Messi e Suárez, isolou os dois craques e Neymar, nas poucas vezes em que pegou na bola, não teve levou a melhor. A primeira etapa foi muito disputada e teve apenas um lance de perigo, com Cristiano Ronaldo, que chutou forte de dentro da área para boa defesa de Ter Stegen.

O 0 a 0 no intervalo parece ter mexido com o time catalão, que voltou mais solto no segundo tempo. Sem conseguir passar pela zaga do Real no toque de bola, o Barça conseguiu usar outra arma para abrir o placar. Foi no jogo aéreo e no oportunismo de Suárez que o time da casa saiu na frente. Aos 7 minutos, Neymar cruzou na pequena área, o uruguaio ganhou de Varane e testou sem defesa para Navas: 1 a 0. A pressão dos anfitriões ficou ainda mais intensa a partir dos 14 minutos após a entrada de Iniesta, que conseguiu 'quebrar' a defesa rival com passes milimétricos. Em um deles, Messi perdeu a chance de ampliar quando estava cara a cara com Navas, mas chutou para fora. O Real parecia entregue e não conseguia ameaçar. Mas foi na famosa combinação entre cruzamento na área e Sergio Ramos que, mais uma vez, o time merengue saiu do sufoco. Aos 45 minutos do segundo tempo, Modric cruzou na área, Ramos ganhou de Mascherano e cabeceou bem: 1 a 1.

O Barça volta a campo no próximo sábado, 10 de dezembro, fora de casa contra o Osasuna, às 10h. Às 17h45 o Real entra em campo no Santiago Bernabéu para enfrentar o La Coruña.

Veja como contamos ao vivo Barcelona 1x1 Real Madrid:

Debido a las excepcionales circunstancias, EL PAÍS está ofreciendo gratuitamente todos sus contenidos digitales. La información relativa al coronavirus seguirá en abierto mientras persista la gravedad de la crisis.

Decenas de periodistas trabajan sin descanso para llevarte la cobertura más rigurosa y cumplir con su misión de servicio público. Si quieres apoyar nuestro periodismo puedes hacerlo aquí por 1 euro el primer mes (a partir de junio 10 euros). Suscríbete a los hechos.

Suscríbete