Metallica é a estrela do Lollapalooza 2017 no Brasil, Argentina e Chile

Banda tocará com The Strokes, The Weekend e The XX nos eventos latino-americanos do festival

Público da edição passada do Lollapalooza no Chile.
Público da edição passada do Lollapalooza no Chile.
Mais informações
Inteligência artificial compõe música pop
Bruce Springsteen lança novo disco e livro de memórias

Chegou o dia em que todos os fãs da Argentina, Brasil e Chile esperavam. O festival Lollapalooza anunciou sua esperada programação para a primavera de 2017 na América Latina. Os três eventos anuais são realizados em São Paulo de 25 a 26 de março, em Buenos Aires de 31 de março a 1 de abril e em Santiago de 1 a 2 de abril.

Esta quarta-feira, 28 de setembro, era o dia marcado para divulgar as confirmações do festival — e a programação não decepcionou. Metallica, The Strokes, The Weekend, Two Door Cinema Club e The XX são as grandes atrações de uma lista que gerou grande expectativa nas redes sociais e que ainda não fechou completamente. As surpresas restantes serão anunciadas em 16 de outubro e 8 de novembro.

No total, mais de 60 artistas fazem parte da próxima edição do Lollapalooza, com destaque para Metallica. A lendária banda de rock apresentará seu mais recente álbum de estúdio, Hardwired... To Self-Destruct. Também estarão lá grupos como The Strokes, que retorna ao Chile depois de 11 anos, e Duran Duran, que chega ao evento com mais de 100 milhões de discos vendidos.

O Lollapalooza volta com seis palcos de música, um espaço familiar para todas as idades (Kidpalooza) e a esperança de superar — por exemplo — o público diário de 70.000 pessoas da edição passada no Chile (onde estreou em 2011). Vale lembrar que o festival foi realizado pela primeira vez em 1991 e, embora sua essência tenha sido itinerante e sua sede principal esteja em Chicago, a América Latina tornou-se um território fundamental.

As entradas para o Lollapalooza 2017 no Brasil podem ser compradas em Tickets For Fun. No Chile, pela red Puntoticket. E na Argentina, através de AllAccess.

Regras

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS