Brasil perde para a Suécia nos pênaltis e vai disputar o bronze no futebol feminino na Olimpíada

Após 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação, seleção brasileira foi eliminada por 4 a 3 na semifinal dos Jogos Olímpicos

Brasil x Suécia: Formiga e Stina Blackstenius.
Brasil x Suécia: Formiga e Stina Blackstenius.Buda Mendes (Getty Images)

O Brasil lutou, atacou, pressionou, mas ainda assim perdeu para a Suécia nos pênaltis na semifinal do futebol feminino na Olimpíada Rio 2016. A seleção brasileira havia vencido as suecas por 5 a 1 na fase de grupos, mas desta vez a história foi diferente. Depois de eliminar a Austrália nos pênaltis nas quartas de final, a seleção brasileira parou na atuação espetacular da goleira sueca Lindahl e na retranca da equipe europeia, que se recusou a jogar. Passou os 90 minutos do tempo normal e os 30 da prorrogação na defesa, com raras chegadas ao ataque em contra-ataques. O Brasil agora espera o perdedor de Canadá x Alemanha para saber quem será o adversário na disputa da medalha de bronze, na sexta-feira.

"Saímos de cabeça erguida. Claro que estamos chateadas, queríamos o ouro. Fizemos tudo o que podíamos e vamos em busca do bronze com muito orgulho", disse a zagueira Mônica, chorando, ainda no gramado do Maracanã. Cristiane, maior artilheira do futebol (entre homens e mulheres) da história dos Jogos Olímpicos, ficou fora da maior parte do jogo. Só entrou na prorrogação. Ela passou os últimos dias tratando uma lesão no tornozelo, que não sarou totalmente. Mesmo assim foi para o jogo quando o time precisou. Perdeu um dos pênaltis defendido pela goleira sueca, mas, assim como todas as outras jogadoras, saiu aplaudida de campo. "É complicado sair numa semifinal que só deu Brasil mais uma vez. É a segunda ou terceira Olimpíada que só dá a gente e no final saímos eliminadas. Só tenho a agradecer que nos apoia e torce por nós".

As meninas do Brasil voltam a campo na sexta-feira para jogar pelo bronze. A partida será contra o vencedor de Alemanha x Canadá, mas o resultado pouco importa. É unanimidade: a seleção feminina representou muito bem o país na Olimpíada Rio 2016.

Veja como contamos Brasil (3) 0x0 (4) Suécia no minuto a minuto pelos Jogos Olímpicos:

Gustavo Moniz
Ficamos por aqui! Muito obrigado pela companhia e até amanhã com Brasil x Honduras no futebol masculino.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Cristiane: "É complicado sair numa semifinal em que só deu Brasil mais uma vez. É a segunda ou terceira Olimpída que só dá a gente e no final saímos eliminadas. Só tenho a agradecer que nos apoia e torce por nós".
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
O Maracanã aplaude de pé a seleção feminina. Parabéns às nossas meninas, jogaram demais, se entregaram, lutaram o tempo inteiro e buscaram o gol. Perderam para um time que se defende muito bem. Faz parte do futebol. Vamos com força para ganhar o bronze.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gol da Suécia. Dahlkvist bate bem e colocar a Suécia na final. O Brasil vai disputar a medalha de bronze.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Lindahl pega o pênalti de Andressinha! Continua 3 a 3, se a Suécia fizer, acaba. VAMOS BÁRBARA!
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gol da Suécia. Fischer bate bem e empata: 3 a 3.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
GOOOL DO BRASIL!! RAFAELLE!! Brasil 3 a 2!
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gol da Suécia. Seger bate no canto, Bárbara vai na bola mas não alcança. 2 a 2.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
GOL DO BRASIL!! Andressa coloca o Brasil na frente! 2 a 1, um pênalti perdido pra cada lado.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
BAAAAAAAAAAAAAAARRBARAAAAAA!! Pegou o pênalti de Asllani!!! Continua 1 a 1!
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
PERDEU, CRISTIANE! Ela bateu no meio do gol e Lindahl pegou. Continua 1 a 1.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gol da Suécia. Schelin empata: 1 a 1.
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
A goleira ainda tocou na bola, mas foi GOL DO BRASIL!
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
GOOOOOLL DO BRASIL!!! MARTA!!! 1 a 0!!!
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Gustavo Moniz
Bom, vamos para os pênaltis. A goleira Bárbara chama a torcida, que responde e incentiva o Brasil.
Gustavo Moniz

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: