China

Explosões em Tianjin, na China, deixam 13 mortos e centenas de feridos

Acidente ocorreu devido a explosão de material inflamável em um terminal de contêineres

VÍDEO: REUTERS LIVE

Ao menos 13 pessoas morreram e centenas ficaram feridas em várias explosões que aconteceram nesta quarta-feira cidade portuária de Tianjin, a maior cidade industrial do norte da China, onde vivem mais de 10 milhões de pessoas. O Diário do Povo, jornal oficial do Partido Comunista Chinês, informou que houve duas explosões em um intervalo de 30 segundos e que ocorreram devido à explosão de material inflamável em um terminal de contêineres.

A explosão provocou uma onda de choque que foi sentida a vários quilômetros de distância. Centenas de pessoas foram levadas ao hospital, como informou a agência oficial chinesa Xinhua. O Diário do Povo situa esse número entre 300 e 400 pessoas.

De acordo com o jornal, 38 caminhões de bombeiros trabalham na área. O incêndio está sob controle, embora haja dois bombeiros desaparecidos e outros seis feridos.

A explosão aconteceu por volta das 23h30 (10h30 em Brasília), informa a BBC. Vídeos do acidente foram divulgados rapidamente na Internet.

Uma testemunha disse à imprensa local que estava fazendo compras quando “de repente, viu uma grande bola de fogo”, relata a BBC. “No momento da explosão o chão tremeu, assim com carros e edifícios, as janelas de alguns edifícios quebraram e todo mundo começou a correr”, acrescentou.

A rádio nacional chinesa informou que é possível ver rachaduras em edifícios na área onde ocorreu a explosão.

Arquivado Em: