Seleccione Edição
Login

Catalunha vota no 9-N

O ambiente nos centros eleitorais, as votações e atos dos que estão contra a consulta

Os catalães vão a votar o 9N. ATLAS

Milhares de cidadãos foram votar nos centros habilitados para a consulta alternativa sobre a independência da Catalunha. Os dirigentes dos partidos políticos que apoiam o referendo aproveitaram o momento para lançar suas mensagens. As formações que rechaçam a votação demonstraram sua oposição ao 9-N.

1. Um dia de voluntariado

Já no começo da manhã, 40.000 voluntários já estavam prontos para a realização da consulta alternativa: “Organizei todo meu dia para estar à disposição do povo da Catalunha. E é muito emocionante.”

ATLAS

2. Filas de uma hora para votar

Alguns cidadãos foram aos centros de votação antes mesmo da abertura. Os mais previdentes já tinham imprimido sua cédula em casa.

ATLAS

3. Um domingo igual para muitos catalães

Passear com o cachorro, comprar pão ou brincar no parque foram as atividades cotidianas de outra parte da sociedade catalã para a qual ir votar não estava em seus planos.

ATLAS

4. Guardiola: “Não é um momento histórico, é mais um passo”

O treinador do Bayern de Munique e ex-técnico do Barcelona viajou da Alemanha até sua cidade para votar.

ATLAS

5. O ex-presidente Jordi Pujol vota em Barcelona

Neste domingo, Pujol, o ex-presidente da Generalitat, e sua esposa, Marta Ferrusola, foram votar no colégio Montserrat. Na fila, os cidadãos pediram para tirar ‘selfies’ com Pujol.

ATLAS

6. “É uma festa antidemocrática”

A presidenta do conservador Partido Popular catalão, Alicia Sánchez-Camacho, negou qualquer validade jurídica à votação do 9-N na Catalunha.

ATLAS

7. “Tsunami democrático”

O deputado e porta-voz dos independentistas CUP no Parlamento catalão, David Fernández, votou ‘sim’ neste domingo.

ATLAS

8. “Não devemos cair no erro de achar suficiente os resultados nem os números”

O líder do partido minoritário Cidadãos, Albert Rivera, considerou que a votação deste domingo é uma “fraude da lei”, por isso pediu que Artur Mas convoque eleições para votar “de verdade”.

ATLAS

9. “Maturidade política”.

O líder do nacionalista União Democrática, Josep Antoni Duran Lleida, fez um chamado aos catalães para que fossem em peso às urnas como um exercício de “maturidade política”.

ATLAS

10. “Eu não me identifico com a independência, mas acho que é preciso abrir a negociação”

Joan Herrera, coordenador geral do ICV (Verdes) explicou o sentido de seu voto afirmando que aposta em um primeiro sim “porque a Catalunha é um sujeito político”.

ATLAS

MAIS INFORMAÇÕES