BUNDESLIGA | BAYERN DE MUNIQUE

Thiago no limite para a Copa

O meia espanhol do Bayern rompe o ligamento interno do joelho direito e vai levar "de seis a oito semanas para se recuperar"

Thiago disputa a jogada com Polanski, do Hoffenheim.
Thiago disputa a jogada com Polanski, do Hoffenheim.Lennart Preiss (Getty)

Depois de atingir com seu pé direito os pés do atacante rival Volland, o meia hispano-brasileiro Thiago Alcântara, de 22 anos, se lesionou neste sábado na partida entre o Bayern de Munique e Hoffenheim pela liga alemã, a Bundesliga, que terminou empatada em 3 a 3. Ele saiu de campo alguns instantes depois, aos 25 minutos, substituído por Lahm. O jogador sofreu um rompimento parcial do ligamento interno do joelho direita e estará, no mínimo, “de seis a oito semanas fora de campo”, segundo as primeiras informações médicas.

Thiago no instante em que se machuca.
Thiago no instante em que se machuca.ESPN

O treinador do Bayern de Munique, Pep Guardiola, anunciou que Thiago passará por uma cirurgia. Assim, suas chances de ir à Copa do Brasil com a seleção espanhola diminuem. A Copa do Mundo começa no dia 12 de junho e o treinador Del Bosque escalará sua lista definitiva de 23 convocados no dia 25 de maio. Ou seja, Thiago terá, segundo as primeiras previsões, um mês para voltar a ficar em forma. “Nenhum jogador merece isso. É difícil para ele e para a equipe”, disse Guardiola depois da partida contra o Hoffenheim.

O meia espanhol de origem brasileira vinha sendo um dos melhores jogadores da Bundesliga, peça-chave na vitória mais precoce do Bayern na história do torneio. É a segunda lesão grave sofrida pelo meio-campista espanhol desde sua chegada ao clube bávaro no verão passado procedente do Barça. No final de agosto, em uma partida contra o Nuremberg, ele machucou os ligamentos do joelho direito. Ficou sem jogar até novembro. Voltou ao Iduna Park contra o Borussia Dortmund, em uma atuação estrelar que continuou até esta tarde. O Bayern ganhou por 3 a 0 e definiu o campeão da liga.

Del Bosque o convocou para o último amistoso da Espanha contra a Itália no Calderón (1-0). Da parte do treinador, Thiago era considerado o jovem com a maior evolução, ao tomar as rédeas de uma equipe como o Bayern, em comparação a outros com menor protagonismo em suas equipes, como Isco ou Illarramendi, substitutos no Real Madri. Os três (Thiago, Illarra e Isco) se consagraram campeões da Europa sub-21 no verão passado em Israel ao bater a Itália com três gols do meia do Bayern (4-2). Dois anos antes, também foi campeão europeu sub-21 com a Espanha, desta vez contra a Suíça (2-0), anotando o segundo gol e sendo eleito o melhor jogador da final. Thiago, no entanto, perdeu os Jogos Olímpicos de Londres 2012 por causa de uma lesão.

Thiago —que jogou cinco vezes pela Espanha—é um jogador importante tanto para o Bayern como para a seleção. No time bávaro, dividiu a direção da equipe com Lahm algumas vezes e noutras com Schweinsteiger, recuperado nas últimas semanas de uma lesão, mas sempre titular nas partidas importantes. Ela não participará na terça-feira da partida contra o Manchester United nas quartas de final da Liga dos Campeões. Vencida a Liga com sete jornadas de antecipação, ao Bayern restarão a Champions e a semifinal da Copa alemã contra o Kaiserlautern no dia 16 de abril.

Na seleção espanhola, Del Bosque conta com ele como o meio-campista mais parecido com Xavi, de 34 anos, para manter o ritmo de jogo da Espanha, pela velocidade que dá à circulação da bola, toda vez que o jogador do Barça mostrar cansaço em determinados momentos da Copa do Mundo.