Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Trump ignora Merkel quando ela pede um aperto de mãos no Salão Oval

A chanceler alemã pergunta se quer que se deem as mãos e o presidente dos EUA permanece sem se mexer

O encontro desta sexta-feira entre Donald Trump e Angela Merkel deixou uma cena polêmica. Na sessão de fotos prévia à reunião no Salão Oval, o presidente dos Estados Unidos não olhou em nenhum momento para a chanceler (primeira-ministra) alemã, nem sequer quando os fotógrafos pediram um aperto de mãos. As câmeras registram o momento em que Merkel pergunta a seu anfitrião se quer que se deem as mãos. Trump permanece sem se mexer.

Minutos antes, na chegada da chanceler alemã à Casa Branca, Trump havia feito um gesto de cortesia ao sair para recebê-la, algo pouco habitual na recepção de mandatários estrangeiros. Também foram feitas fotos nas portas do Salão Oval, nas quais o presidente apertou a mão da chanceler.

A maneira de Trump cumprimentar outros presidentes ou primeiros-ministros chamou a atenção em ocasiões anteriores. Costuma apertar com força a mão de seu interlocutor, depois o puxa na sua direção e não o solta por vários segundos, como ocorreu com o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe.

MAIS INFORMAÇÕES