Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Produtora de ‘Star Wars’ é multada em 1,7 milhão de euros por acidente de Harrison Ford

O ator sofreu lesões numa perna devido ao fechamento repentino de uma porta durante as gravações

Harrison Ford numa cena de ‘Star Wars: O Despertar da Força’.
Harrison Ford numa cena de ‘Star Wars: O Despertar da Força’.

A produtora britânica do filme Star Wars: O Despertar da Força foi multada em 1,7 milhão de euros (5,9 milhões de reais) por não proteger os atores e os funcionários, após um acidente em que Harrison Ford quebrou a perna, segundo a BBC. A Foodles Production, filial da Disney com sede em Londres, havia admitido duas infrações às normas de saúde e segurança.

A sentença foi emitida por um tribunal de Aylesbury, no sul da Inglaterra. Harrison Ford, que interpreta Han Solo no filme, teve um lesão na perna quando ficou preso pelo fechamento de uma porta durante a gravação em junho de 2014 no estúdio Pinewood, perto de Londres.

A força do sistema de acionamento da porta era comparável ao peso de um carro pequeno, segundo a Agência de Saúde e Segurança da Grã-Bretanha. “Foi um incidente previsível”, disse em nota um porta-voz da agência. “A gestão de riscos de forma sensata no set de filmagem, proporcionada a todos os atores e funcionários independentemente de seu status, é vital para proteger o talento tanto na tela como fora dela, como também para proteger a reputação da indústria.”

Ford, que tinha 71 anos quando sofreu o acidente, foi levado a um hospital de Oxford e posteriormente operado. No julgamento, a acusação afirmou que a falha no funcionamento da porta poderia ter provocado a morte do ator. “Isso não aconteceu porque foi ativado um mecanismo de parada de emergência”, disse o promotor Andrew Marshall, lembrando, no entanto, que o acidente “poderia ter sido evitado”.

MAIS INFORMAÇÕES