Lyon vence o PSG nos pênaltis e conquista a Champions League de futebol feminino

Título confirma a tríplice coroa da equipe francesa, que chega ao quatro troféu de campeã europeia

A goleira Bouhaddi converteu o pênalti decisivo e comemorou com suas companheiras.
A goleira Bouhaddi converteu o pênalti decisivo e comemorou com suas companheiras.Carl Recine (REUTERS)
Mais informações

O Lyon venceu o PSG na noite desta quinta-feira, em Cardiff, no Cardiff City Satdium, e sagrou-se campeão da Champions League de futebol feminino. O resultado foi conquistado nos pênaltis, com vantagem de 7 x 6, após o empate por 0 x 0 no tempo normal. 22.433 pagantes estiveram na capital galesa para ver o quarto título do time do leste francês

A partida foi dominada pelas parisienses no começo, porém, o Lyon equilibrou o confronto até o intervalo. Na etapa final, o cenário foi invertido: bom começo das campeãs francesas, mas evolução de Cristiane, Formiga e Cia. E o duelo seguiu equiparado até o fim do período regulamentar.

No tempo extra, o cansaço diminuiu o ritmo das duas equipes. O Lyon, porém, ainda protagonizou algumas investidas, mas parou numa boa atuação da goleira Kiedrzynek, que fez boas defesas ao longo dos mais de 120 minutos. Assim, o 0 x 0 persistiu no placar e a partida foi para os pênaltis.

O equilíbrio da partida se manteve nas penalidades. As cobranças estavam empatadas por 6 x 6 e chegaram até as goleiras, que definiram o título: Kiedrzynek, do PSG, que fazia ótimo jogo, perdeu; na última bola, a arqueira Bouhaddi converteu.

O enredo foi similar ao de duas semanas atrás, na final da Copa da França. Após um empate por 1 x 1, o Lyon venceu o PSG, também nos pênaltis, pelo mesmo placar (7 x 6). Na Ligue 1, a equipe do leste francês, com 63 pontos, superou o Montpellier (55) e as rivais de Paris (49), e, portanto, conquistou a tríplice coroa na temporada.

Com o título conquistado nesta quinta-feira, o Lyon chega ao seu quarto troféu da Champions League, empatando com o Frankfurt pelo posto de maior campeão europeu.

Policial alemã apitou a final

A policial alemã Bibiana Steinhaus, de 38 anos, foi a árbitra da decisão. Recentemente, ela se tornou a primeira mulher a compor o quadro de arbitragem da Bundesliga, após ser promovida da segunda divisão, onde apitava. Ela começará na nova função a partir da próxima temporada.

22.433 pagantes estiveram no Cardiff City Stadium.
22.433 pagantes estiveram no Cardiff City Stadium.Divulgação (UEFA)

Mais informações

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: