Seleccione Edição
Login

Fidel Castro, mito e controvérsia

Uma compilação dos momentos de maior destaque da vida do líder cubano

  • O então presidente de Cuba, Fidel Castro, durante uma cerimônia na praça da Revolução, em fevereiro de 2006. As comemorações pelo seu 90º aniversário serão discretas. Não haverá grandes concentrações nem desfiles no país, e também não foram anunciadas visitas de autoridades internacionais.
    1O então presidente de Cuba, Fidel Castro, durante uma cerimônia na praça da Revolução, em fevereiro de 2006. As comemorações pelo seu 90º aniversário serão discretas. Não haverá grandes concentrações nem desfiles no país, e também não foram anunciadas visitas de autoridades internacionais. AP
  • Fidel Castro recebe ajuda de seus guarda-costas depois de uma queda, durante uma cerimônia em Santa Clara (Cuba), em 2004. Castro, que sobreviveu a 600 tentativas de assassinato e desafiou 10 presidentes norte-americanos, completa 90 anos este sábado.
    2Fidel Castro recebe ajuda de seus guarda-costas depois de uma queda, durante uma cerimônia em Santa Clara (Cuba), em 2004. Castro, que sobreviveu a 600 tentativas de assassinato e desafiou 10 presidentes norte-americanos, completa 90 anos este sábado. AFP
  • Fidel Castro olha as horas em seu relógio enquanto caminha com o papa João Paulo II no aeroporto internacional José Martí, em Havana, capital de Cuba, no dia 20 de janeiro de 1998.
    3Fidel Castro olha as horas em seu relógio enquanto caminha com o papa João Paulo II no aeroporto internacional José Martí, em Havana, capital de Cuba, no dia 20 de janeiro de 1998. AFP
  • Fidel Castro, aos 53 anos, aponta o dedo para o público durante discurso na Assembleia Geral da ONU, em 1979. Castro nacionalizou a economia cubana e controlou cada aspecto da vida na ilha durante meio século.
    4Fidel Castro, aos 53 anos, aponta o dedo para o público durante discurso na Assembleia Geral da ONU, em 1979. Castro nacionalizou a economia cubana e controlou cada aspecto da vida na ilha durante meio século. AP
  • Castro cumprimenta o então mandatário da União Soviética, Nikita Khrushchev, em 1960, quando ambos se encontraram na ONU. Agora que o líder cubano completa 90 anos de idade, centenas de milhares de seus compatriotas já possuem negócios privados, compram e vendem suas casas e carros e navegam pela Internet usando celulares importados.
    5Castro cumprimenta o então mandatário da União Soviética, Nikita Khrushchev, em 1960, quando ambos se encontraram na ONU. Agora que o líder cubano completa 90 anos de idade, centenas de milhares de seus compatriotas já possuem negócios privados, compram e vendem suas casas e carros e navegam pela Internet usando celulares importados. AP
  • Fidel Castro, então um líder rebelde, e Camilo Cienfuegos (à esq.) entram em Havana depois de vencer as tropas do ditador cubano Fulgencio Batista.
    6Fidel Castro, então um líder rebelde, e Camilo Cienfuegos (à esq.) entram em Havana depois de vencer as tropas do ditador cubano Fulgencio Batista. AFP
  • Adolfo Suárez (à dir.) e o cubano Fidel Castro se cumprimentam no aeroporto de Havana, no início de uma viagem a Cuba do então premiê espanhol, em 1978.
    7Adolfo Suárez (à dir.) e o cubano Fidel Castro se cumprimentam no aeroporto de Havana, no início de uma viagem a Cuba do então premiê espanhol, em 1978. Presidencia del Gobierno
  • O líder cubano se despede do chefe militar Jose Izquierdo (à dir.), em 1953.
    8O líder cubano se despede do chefe militar Jose Izquierdo (à dir.), em 1953. AFP
  • Fidel Castro ergue o braço do seu irmão Raúl enquanto cantam o hino da Internacional Socialista, durante o 6º Congresso do Partido Comunista de Cuba, em Havana, em 19 de abril de 2011. Fidel foi testemunha de como seu irmão promoveu uma abertura econômica para os cubanos e reatou relações com os EUA.
    9Fidel Castro ergue o braço do seu irmão Raúl enquanto cantam o hino da Internacional Socialista, durante o 6º Congresso do Partido Comunista de Cuba, em Havana, em 19 de abril de 2011. Fidel foi testemunha de como seu irmão promoveu uma abertura econômica para os cubanos e reatou relações com os EUA. AP
  • Castro faz uma pausa durante um discurso a estudantes latino-americanos reunidos em 2006 na localidade de Perdernales (Cuba) para celebrar os 53 anos do ataque ao quartel Moncada.
    10Castro faz uma pausa durante um discurso a estudantes latino-americanos reunidos em 2006 na localidade de Perdernales (Cuba) para celebrar os 53 anos do ataque ao quartel Moncada. AP
  • Nesta foto de 1985, o presidente de Cuba sopra a fumaça do seu charuto durante uma entrevista no palácio presidencial de Havana.
    11Nesta foto de 1985, o presidente de Cuba sopra a fumaça do seu charuto durante uma entrevista no palácio presidencial de Havana. AP
  • Multidão ouve Fidel Castro durante um discurso em Santiago (Cuba), em junho de 2002. O maior evento anunciado para este 90º aniversário serão várias apresentações de corais infantis em toda a ilha.
    12Multidão ouve Fidel Castro durante um discurso em Santiago (Cuba), em junho de 2002. O maior evento anunciado para este 90º aniversário serão várias apresentações de corais infantis em toda a ilha. AP
  • Em 23 de fevereiro de 1961, o presidente cubano se empenhava em cortar cana com centenas de voluntários. As autoridades anunciariam depois que Fidel Castro teria ceifado quatro toneladas de cana
    13Em 23 de fevereiro de 1961, o presidente cubano se empenhava em cortar cana com centenas de voluntários. As autoridades anunciariam depois que Fidel Castro teria ceifado quatro toneladas de cana AP
  • Depois de encabeçar o ataque ao quartel Moncada em 1953, Fidel Castro, rende sua declaração ao Coronel Chabiano, chefe militar do quartel.
    14Depois de encabeçar o ataque ao quartel Moncada em 1953, Fidel Castro, rende sua declaração ao Coronel Chabiano, chefe militar do quartel. AFP
  • Castro com o guerrilheiro argentino Ernesto ‘Che’ Guevara, em 1960, celebrando o primeiro aniversário da vitória da Revolução Cubana.
    15Castro com o guerrilheiro argentino Ernesto ‘Che’ Guevara, em 1960, celebrando o primeiro aniversário da vitória da Revolução Cubana. AFP
  • Um ano depois de Salvador Allende assumir a presidência do Chile, em 1971, Castro fez uma visita oficial de 10 dias ao país sul-americano.
    16Um ano depois de Salvador Allende assumir a presidência do Chile, em 1971, Castro fez uma visita oficial de 10 dias ao país sul-americano. AFP
  • O presidente cubano com seu colega venezuelano da época, Hugo Chávez, na Escola Latino-Americana de Medicina, em Havana, em 2005. A aliança com Caracas deu sobrevida econômica à crise permanente da ilha após o fim da URSS.
    17O presidente cubano com seu colega venezuelano da época, Hugo Chávez, na Escola Latino-Americana de Medicina, em Havana, em 2005. A aliança com Caracas deu sobrevida econômica à crise permanente da ilha após o fim da URSS. AFP
  • Castro durante sua visita a território controlado pelos guerrilheiros comunistas no Vietnã do Sul, em setembro de 1973, em meio à guerra do Vietnã.
    18Castro durante sua visita a território controlado pelos guerrilheiros comunistas no Vietnã do Sul, em setembro de 1973, em meio à guerra do Vietnã. AFP
  • O então premiê espanhol Felipe González (à esq.) abraça seu colega cubano, Fidel Castro, no aeroporto de Barajas, durante uma escala técnica do avião da Aeroflot que os levava a Cuba. Um quarto de século depois do triunfo revolucionário, Madri se tornava a primeira capital europeia ocidental a ser visitada pelo dirigente cubano.
    19O então premiê espanhol Felipe González (à esq.) abraça seu colega cubano, Fidel Castro, no aeroporto de Barajas, durante uma escala técnica do avião da Aeroflot que os levava a Cuba. Um quarto de século depois do triunfo revolucionário, Madri se tornava a primeira capital europeia ocidental a ser visitada pelo dirigente cubano.
  • O então presidente sul-africano Nelson Mandela (centro) aperta a mão do seu homólogo cubano, Fidel Castro, na presença da mulher de Mandela, Graça Machel, durante a Cúpula do Movimento de Países Não Alinhados, em Durban.
    20O então presidente sul-africano Nelson Mandela (centro) aperta a mão do seu homólogo cubano, Fidel Castro, na presença da mulher de Mandela, Graça Machel, durante a Cúpula do Movimento de Países Não Alinhados, em Durban. AP
  • Inscrição em Havana pede mais anos oara Fidel Castro, que esteve à frente da ilha de 1959 até 2006. Fidel publicou mais uma "reflexão", os textos que começou a escrever desde que se afastou formalmente do poder. A publicada neste sábado se chama "Aniversário". Critica os EUA pelo ataque nuclear ao Japão na Segunda Guerra e remomora sua infância.
    21Inscrição em Havana pede mais anos oara Fidel Castro, que esteve à frente da ilha de 1959 até 2006. Fidel publicou mais uma "reflexão", os textos que começou a escrever desde que se afastou formalmente do poder. A publicada neste sábado se chama "Aniversário". Critica os EUA pelo ataque nuclear ao Japão na Segunda Guerra e remomora sua infância. AFP

MAIS INFORMAÇÕES