O clássico do futebol espanhol

Real Madrid vira o jogo e vence o Barcelona por 2 a 1 no Camp Nou

Com um a menos, time bate o rival com gol de Cristiano Ronaldo aos 39 do segundo tempo

Ronaldo chuta para marcar o gol da virada.
Ronaldo chuta para marcar o gol da virada.M. F. (AP)

O Real Madrid venceu o Barcelona por 2 a 1 (veja os gols no minuto a minuto abaixo), de virada, e levou um dos maiores clássicos do futebol mundial, disputado no Camp Nou pelo Campeonato Espanhol. Messi, Neymar e Suárez estiveram muito apagados. Muito bem marcados, criaram poucas jogadas de perigo e perderam lances que normalmente transformariam em gols. Do outro lado Cristiano Ronaldo, Benzema e Bale foram bem. Ajudaram até na defesa e foram peças decisivas na vitória, que aconteceu contra todas as previsões possíveis para a partida. Os três marcaram gols. Benzema anotou o empate dos visitantes, Bale marcou gol legal de cabeça mas o juiz errou e anulou, e Cristiano fez o da virada, aos 39 do segundo tempo. O Real não vencia de virada dentro do estádio do arquirrival desde 1965, quando ganhou também por 2 a 1.

Dois números também chamavam a atenção antes da partida. O Barcelona poderia chegar a 40 jogos de invencibilidade e Messi tinha boas chances de marcar contra o arquirrival o gol de número 500 na carreira (falta apenas um). Não deu. O Real quebrou a maior sequência sem derrota de um time na história do futebol espanhol graças a uma aplicação tática que há muito tempo não se via na equipe. Casemiro, escalado como titular, foi fundamental para anular as ações do trio de ataque do Barça. E Marcelo, pela lateral-esquerda, foi perfeito tanto na defesa quanto no ataque.

No começo do jogo, porém, o roteiro parecia o mesmo das últimas 39 partidas do Barça. O time dominou a posse de bola e empurrou o Real para a defesa. Logo aos 9 minutos, Neymar deixou Suárez na cara do gol, mas o uruguaio perdeu (veja o lance abaixo). Na sequência, Sergio Ramos levou cartão amarelo. Ele deveria ter sido expulso ainda no primeiro tempo, mas o juiz deixou passar pelo menos dois lances antes de finalmente mostrar o vermelho para o capitão do Real aos 37 do segundo tempo. Sem grandes emoções, a primeira etapa terminou 0 a 0, com o duelo totalmente aberto.

Logo no início do segundo tempo, no entanto, Piqué mudou o ritmo do jogo. Após cobrança de escanteio, ele subiu mais que Pepe e cabeceou para abrir o placar, mas a vantagem durou muito pouco. Seis minutos depois, Benzema aproveitou cruzamento e acertou lindo voleio para empatar. Golaço. Depois da entrada de Jesé no lugar de Benzema, aos 31 minutos, o Real teve dez minutos de bombardeio contra o Barcelona. Num dos ataques, Bale aproveitou cruzamento de Ronaldo, subiu mais que Alba e desviou de cabeça para virar a partida. O árbitro, equivocadamente, anulou o gol e marcou falta do galês, que não existiu. Melhor no jogo, porém, o Real conseguiu a virada aos 39 minutos, já sem Sergio Ramos, que havia sido expulso dois minutos antes. Cristiano Ronaldo recebeu cruzamento na área, ganhou de Dani Alves, matou no peito e mandou para as redes. No final, 2 a 1 e muita comemoração do lado do Real, que chegou aos 69 pontos, na terceira posição do Espanhol, um ponto atrás do Atlético, vice-líder com 70. O Barça continua na ponta com 76.

Veja como contamos todos os lances de Barcelona 1x2 Real Madrid pelo Campeonato Espanhol: