Neymar tem bens bloqueados no Brasil por suposta sonegação fiscal

Justiça brasileira embarga bens no valor de 188,8 milhões de reais Receita Federal exige pagamento de 63,6 milhões em impostos não declarados

O jogador brasileiro Neymar.
O jogador brasileiro Neymar.MIGUEL RIOPA (AFP)

A Justiça Federal brasileira bloqueou bens no valor de 188,8 milhões de reais de Neymar para garantir o pagamento dos impostos exigidos pela Receita Federal por sua contratação pelo FC Barcelona, de acordo com fontes judiciais. O valor foi embargado de forma cautelar em 11 de setembro pelo desembargador Carlos Muta, segundo informações do Tribunal Federal da 3ª Região, divulgadas nesta sexta-feira. Em nota, o pai e a mãe do atleta negaram as acusações, e afirmaram que todos os impostos devidos foram recolhidos (leia a íntegra da nota abaixo).

Mais informações

A Receita Federal exige que o atacante pague cerca de 63,6 milhões de reais em impostos não declarados entre os anos fiscais de 2011 e 2013. O tribunal ordenou o bloqueio de 150% da quantia para garantir o pagamento de juros e da multa pela suposta evasão dos impostos referentes à transferência do Santos ao Barcelona.

Como o montante supera em 30% o patrimônio declarado por Neymar, que atinge 224,2 milhões de reais, o tribunal decidiu bloquear os bens de seu pai e as empresas familiares Neymar Sport e Marketing, N&N Consultora e N&N Administração de Bens, Participações e Investimentos.

A Receita Federal considera que o jogador evadiu impostos porque declarou o dinheiro que recebeu por sua contratação pelo Barcelona como lucro de suas empresas, segundo afirmou o desembargador na sentença. Ainda de acordo com a Receita, Neymar também omitiu de sua declaração do Imposto de Renda o pagamento por serviços de publicidade, direitos de imagem e outros contratos assinados com o Barcelona e outras empresas entre 2011 e 2013.

O desembargador argumentou sua decisão de bloquear as empresas da família considerando que todo o patrimônio dessas sociedades procede “exclusivamente” do trabalho do jogador.

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: