futebol

Falcão ganha mais que Neymar

Treze latino-americanos estão entre os cem atletas mais bem pagos do mundo

O jogador de futebol colombiano Radamel Falcão.
O jogador de futebol colombiano Radamel Falcão.PAUL ELLIS / AFP

Jogadores de futebol e de beisebol lideram a lista dos esportistas latino-americanos mais bem pagos no mundo. Cinco jogadores de futebol e sete de beisebol se destacam entre os 13 representantes da América Latina (o outro é boxeador) que fazem parte da lista compilada pela revista Forbes dos cem atletas mais bem remunerados do mundo.

O pugilista norte-americano Floyd Mayweather é o número um da classificação, com 105 milhões de dólares (263 milhões de reais), seguindo pelo português Cristiano Ronaldo (200 milhões de reais) e o jogador de basquete LeBron James, também norte-americano (181 milhões de reais). O primeiro latino-americano da lista é Messi. O craque argentino acumula em sua conta bancária 162 milhões de reais por temporada. A lista da Forbes inclui no ranking os salários que os atletas recebem por seu trabalho esportivo, geralmente pagos pelos clubes, e os que ganham com publicidade e patrocínio. Messi, por exemplo, ganha 104 milhões de reais de salário e outros 58 milhões de outras fontes. O jogador número 10 melhorou e estendeu seu contrato com o Barcelona em maio, antes da última partida contra o Atlético pela Liga, pela sétima vez desde 2005.

Curiosamente, os dois astros do Barcelona se envolveram em problemas relacionados com seus rendimentos

Dois outros jogadores de futebol estão no pódio latino-americano. E aqui o colombiano Falcao, do Manchester United, leva vantagem sobre o brasileiro Neymar, do Barcelona: 88,63 milhões de reais contra 84,13 milhões. A diferença entre os dois é muito grande em termos da origem de sua receita. Enquanto Falcao recebe 81 milhões de reais de salário e ganha 7,5 milhões de reais com publicidade, Neymar o supera bastante nesse último quesito. O líder do Brasil, que é garoto propaganda de muitas empresas, tem rendimentos mais equilibrados: 44 milhões de reais de salário e 40 milhões ganhos com publicidade. Curiosamente, os dois astros do Barcelona se envolveram em problemas ligados a seus rendimentos. Messi por suposta sonegação de impostos na Espanha e Neymar devido ao valor total da venda de seu passe pelo Santos ao clube catalão.

Mais informações

O argentino Agüero, com 58,25 milhões de reais ganhos e número 44 na lista, e o uruguaio Luis Suárez, número 100 da lista, com rendimentos de 43,25 milhões de reais, são os outros jogadores de futebol que figuram entre os esportistas latino-americanos mais bem pagos. Há mais jogadores de beisebol latino-americanos na lista, da qual fazem parte três jogadores da Venezuela e quatro da República Dominicana. O primeiro deles é o venezuelano Miguel Cabrera, no 32º lugar, que joga para os Detroit Tigers e recebe 61,5 milhões de reais por ano.

O “estranho no ninho” é o boxeador mexicano Canelo Álvarez, cujos 52,5 milhões de reais em rendimentos o situam na 66ª posição.