Thorpe sai da UTI e está “animado”, segundo seu agente

O nadador australiano, de 31 anos, foi internado em estado grave em Sidney

O ex-nadador australiano Ian Thorpe, de 31 anos,— cinco vezes campeão olímpico e onze vezes campeão mundial—, saiu da Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Sidney onde estava desde terça-feira tratando de uma infecção contraída depois de se submeter a uma operação no ombro esquerdo. 

"Ele está animado", observou seu agente, James Erskine, embora tenha ingressado em estado grave no hospital. "É um batalhador", disse, "está no soro, tomando antibióticos e todo esse tipo de coisas, de modo que não está exatamente pronto para nadar amanhã nos Jogos da Commonwealth", ironizou Erskine no Canal 9 australiano

O agente disse que não tem certeza de quanto tempo o ex-nadador permanecerá no hospital, mas assegurou que não poderá se encontrar com o príncipe William, como estava previsto. "Ele está doente e não vai sair para tomar um café com ele. Seguirá lutando, porque tem uma infecção e, como em qualquer caso como esse nos hospitais, deve ser levado a sério", disse.

Nesta terça-feira, foi levantada a possibilidade de que Thorpe poderia perder o braço esquerdo se a infecção piorasse. Poderia perder também a mobilidade na extremidade. No entanto, o agente negou essa possibilidade. "Também poderia ser dito que, no pior dos casos, há casos de gente que morreu por estas infecções. Mas só são tolices", manifestou.