O escritor de romances policiais Henning Mankell anuncia que sofre de câncer

O criador do inspetor Wallander conta que tem um tumor no pescoço e outro no pulmão O também dramaturgo, de 65 anos, relatará em um jornal a luta contra a doença

O escritor Henning Mankell, durante entrevista em Madri.
O escritor Henning Mankell, durante entrevista em Madri.Claudio Alvárez

O autor sueco Henning Mankell, famoso por sua série de romance policial com o inspetor de polícia Kurt Wallander como protagonista, revelou que tem câncer, conforme informa o diário britânico The Guardian. O escritor, de 65 anos, detalhou que seu estado é grave, dado que a doença se espalhou com tumores na parte posterior do pescoço e no pulmão esquerdo e que deseja documentar sua batalha contra a doença com a escritura de uma coluna em um jornal.

Mankell, em nota publicada no diário Göteborgs-Posten narra como a doença foi detectada no início deste ano e acrescenta que há suspeita de que tenha se estendido para outras partes de seu corpo. O tratamento ainda não foi determinado, continua, já que ainda faltam alguns exames. Mankell acrescenta assim mesmo que, ao escrever a coluna neste mesmo diário no qual anunciou sua doença, deseja fazer disso "a vida e não a morte" e dar voz a um sofrimento que afeta a tantas pessoas."decidi contá-lo como é a dura batalha que sempre representa". E agrega neste artigo intitulado Uma luta sob a perspectiva da morte: "Minha ansiedade é muito profunda, embora posso mantê-la sob controle".

O romancista descreve no artigo que foi a uma especialista em Estocolmo com a crença de ter uma hérnia de disco. "Quando regressei a Gotemburgo foi com o diagnóstico grave de câncer. Não lembro nada designadamente da viagem de volta, só a gratidão pela minha esposa Eva Bergman, estar comigo".

Mankell estreou como dramaturgo em 1968 e lançou seu primeiro romance 'Bergsprängaren', em 1973. Seu reconhecimento mundial chegou duas décadas depois com a primeira entrega de sua série de 12 romances protagonizados por Kurt Wallander, que foram adaptados como série de televisão na Suécia. O ator Kenneth Branagh deu vida ao personagem em uma adaptação para a televisão britânica. Casado com Eva Bergman, filha do cineasta sueco Ingmar Bergman, escreveu além disso mais de vinte romances, uma dúzia de livros infantis e é um respeitado dramaturgo em seu país. Além disso, se destaca por seu ativismo na esquerda. Mankell reparte seu tempo entre Suécia e África, onde viajou pela primeira vez há quatro décadas. Em Moçambique trabalha como diretor artístico do Teatro Avenida de Maputo. 

Arquivado Em

Recomendaciones EL PAÍS
Logo elpais

Você não pode ler mais textos gratuitos este mês.

Assine para continuar lendo

Aproveite o acesso ilimitado com a sua assinatura

ASSINAR

Já sou assinante

Se quiser acompanhar todas as notícias sem limite, assine o EL PAÍS por 30 dias por 1 US$
Assine agora
Siga-nos em: