Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Gozações com mendigos e brigas na passagem dos torcedores do Leicester por Madri

Seis torcedores do clube inglês são condenados a quatro meses de prisão após distúrbios na capital espanhola

Mendigas correm atrás de moedas jogas pelos torcedores.
Mendigas correm atrás de moedas jogas pelos torcedores.

Mais uma vez a mistura de cerveja em grandes quantidades e hooliganismo provocou a intervenção das forças de segurança na Plaza Mayor, em Madri. Se o saldo dos incidentes da noite anterior foram oito torcedores do Leicester presos (seis deles condenados a quatro meses de prisão por atentado contra autoridades) e seis policiais feridos, na tarde de quarta-feira as forças antidistúrbios precisaram investir contra várias centenas de torcedores do clube inglês, que perdeu para o Atlético de Madrid por 1 x 0, em jogo válido pelas quartas de final da Champions League. O que foi um começo de tarde tranquilo se transformou por alguns minutos em uma pequena batalha campal dissolvida com rapidez pelas forças de segurança. Além disso, as câmeras de televisão captaram uma imagem que já foi vista no ano passado no mesmo lugar: torcedores humilhando várias mendigas jogando moedas no chão.

Vários sinalizadores de fumaça azul acesos, nas cores do Leicester, alertaram as forças antidistúrbios que patrulhavam a Plaza Mayor. Esse contingente, formado por aproximadamente vinte agentes, andou alguns metros para tentar apagar os artefatos pirotécnicos e impedir o uso de mais. Foram recebidos com uma chuva de latas e garrafas e foram obrigados a recuar diante do agrupamento e o avanço desafiante dos hooligans. Imediatamente, os reforços que estavam posicionados nas imediações da praça central madrilenha começaram a marchar pela esquina que leva à rua da Bolsa. A carga policial encurralou 100 hooligans e causou a fuga dos outros pelos acessos que levam às ruas Postas, Mayor e Toledo. Em menos de cinco minutos, a praça foi desocupada.

Até a realização do avanço policial, os torcedores britânicos conviviam em paz. Colocaram duas faixas sobre uma das sacadas da praça que diziam: Leicester City on Tour e Mind the Gap. Essa última “cuidado com o espaço” é uma expressão utilizada no metrô de Londres para prevenir os passageiros do espaço entre o trem e a plataforma. Na temporada passada a frase foi utilizada pelos torcedores do Leicester para receber com ironia o Tottenham e o Arsenal quando essas duas equipes tentavam perseguir a equipe de Ranieri que acabaria conquistando o título do Campeonato Inglês.

Bolas chutadas para o alto, até mesmo por cima dos guarda-sóis dos terraços, divertiam os hooligans, muitos já bem aquecidos não só pelo sol como pela cerveja. Famílias inglesas, que degustavam em paz cerveja, lulas e pratos do dia intuíram que com os sinalizadores acesos a paz se acabaria. Dito e feito.

MAIS INFORMAÇÕES