O cientista político estadunidense Francis Fukuyama, quarta-feira passada, no campus da Universidade de Harvard.

Francis Fukuyama: “Nem todos os eleitores de partidos populistas são racistas ou xenófobos”

Há 30 anos, o cientista político anunciou o fim da história e a vitória da democracia liberal capitalista em um ensaio que marcou época. O auge dos autoritarismos põe em questão seus postulados

As guerras do fim do mundo

Vinte e cinco anos depois que Fukuyama proclamou o fim da história, civilização e barbárie seguem combatendo no palco global. O inimigo é agora o radicalismo islâmico

Piketty em todas as partes

A denúncia de que 1% da população é muito rica e 99% vivem de forma cada vez mais precária é uma palavra de ordem mundial