O governo de Rajoy multará os cartazes que “ofendam” a Espanha

O desacato a instituições, hinos e símbolos poderá ser penalizado em até 95.000 reais (40.000 dólares)

Espanha prepara uma lei de segurança para punir manifestantes

O presidente Mariano Rajoy nega que a norma ponha uma "mordaça" aos cidadãos