Seleccione Edição
Login
Sem título, da série Bebe feios, 1997- 1999
Sem título, da série Bebe feios, 1997- 1999

Os bonecos proibidos de Liu Xia

12 fotos

Proibido em seu próprio país, o trabalho da artista chinesa é um grito a favor da liberdade de expressão

  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. Dias antes de sua morte, o Prémio Nobel da Paz Liu Xiaobo descreveu as fotografias de sua esposa Liu Xia (Beijing, 1961) como saídas "da sombra e do gelo". Ele estava se referindo a uma série de fotografias intitulada Bebês feios, produzidas entre 1996 e 1999, enquanto ele ainda estava servindo uma pena de prisão de três anos em um campo de concentração.
    1Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. Dias antes de sua morte, o Prémio Nobel da Paz Liu Xiaobo descreveu as fotografias de sua esposa Liu Xia (Beijing, 1961) como saídas "da sombra e do gelo". Ele estava se referindo a uma série de fotografias intitulada Bebês feios, produzidas entre 1996 e 1999, enquanto ele ainda estava servindo uma pena de prisão de três anos em um campo de concentração.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. "Ela enfrenta a loucura e o sofrimento com tranquilidade", disse Liu Xiaobo sobre Liu Xia. Poeta, crítico e professor de literatura, o dissidente chinês havia surgido como uma das vozes mais desconfortáveis e inabaláveis contra o governo chinês desde as manifestações em favor da democracia que ocorreram na praça Tiananmen.
    2Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. "Ela enfrenta a loucura e o sofrimento com tranquilidade", disse Liu Xiaobo sobre Liu Xia. Poeta, crítico e professor de literatura, o dissidente chinês havia surgido como uma das vozes mais desconfortáveis e inabaláveis contra o governo chinês desde as manifestações em favor da democracia que ocorreram na praça Tiananmen.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. Liu Xia é reconhecida como uma das figuras mais proeminentes no mundo da arte contemporânea da China. Seu trabalho inclui poesia, pintura e fotografia, mas a exposição de seus trabalhos foi totalmente proibida em seu país. Ela nunca esteve na cadeia nem há qualquer acusação contra ela.
    3Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. Liu Xia é reconhecida como uma das figuras mais proeminentes no mundo da arte contemporânea da China. Seu trabalho inclui poesia, pintura e fotografia, mas a exposição de seus trabalhos foi totalmente proibida em seu país. Ela nunca esteve na cadeia nem há qualquer acusação contra ela.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. "Eu não estou envolvida em política", dizia em uma entrevista Liu Xia. "Ele [seu marido] se comportou como se vivesse em um mundo à parte. Falamos o mínimo possível sobre política em casa, meu marido sabe que não estou interessada". No entanto, a política marcaria decisivamente a sua vida e, consequentemente, o seu trabalho, através do qual ela fala da liberdade de expressão.
    4Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999. "Eu não estou envolvida em política", dizia em uma entrevista Liu Xia. "Ele [seu marido] se comportou como se vivesse em um mundo à parte. Falamos o mínimo possível sobre política em casa, meu marido sabe que não estou interessada". No entanto, a política marcaria decisivamente a sua vida e, consequentemente, o seu trabalho, através do qual ela fala da liberdade de expressão.
  • Sem título, da série Seda, 2004-2005. Estas fotografias nunca foram exibidas na China, apesar de serem conhecidas nos círculos artísticos, onde circulavam silenciosamente, assim como na Internet (foram exibidas pela primeira vez em Boulogne-Billancourt, França em 2011).
    5Sem título, da série Seda, 2004-2005. Estas fotografias nunca foram exibidas na China, apesar de serem conhecidas nos círculos artísticos, onde circulavam silenciosamente, assim como na Internet (foram exibidas pela primeira vez em Boulogne-Billancourt, França em 2011).
  • Sem título, da série Seda, 2004-2005. O último texto que Liu Xiaobo escreveu antes de morrer é dedicado à sua esposa. Ele estava destinado a acompanhar um livro que, sob o título de 'Accompanying Liu Xiaobo' (acompanhando Liu Xiaobo) deveria reunir as fotografias de sua esposa. "Meu louvor é talvez um veneno imperdoável", escrevia. Precavida diante daqueles que querem fazer dela uma porta-voz do legado de seu marido, ela agora faz jus a sua liberdade.
    6Sem título, da série Seda, 2004-2005. O último texto que Liu Xiaobo escreveu antes de morrer é dedicado à sua esposa. Ele estava destinado a acompanhar um livro que, sob o título de 'Accompanying Liu Xiaobo' (acompanhando Liu Xiaobo) deveria reunir as fotografias de sua esposa. "Meu louvor é talvez um veneno imperdoável", escrevia. Precavida diante daqueles que querem fazer dela uma porta-voz do legado de seu marido, ela agora faz jus a sua liberdade.
  • Liu Xiaobo, 2004-2005. Atualmente o trabalho da fotógrafa é exibido em duas grandes exposições: 'With my eyes closed' (com meus olhos fechados), em Berlim, Alemanha, e 'Attemschaukel – A Joined exhibition of Liu Xia and Tsai Hai, em Taipei, Taiwan.
    7Liu Xiaobo, 2004-2005. Atualmente o trabalho da fotógrafa é exibido em duas grandes exposições: 'With my eyes closed' (com meus olhos fechados), em Berlim, Alemanha, e 'Attemschaukel – A Joined exhibition of Liu Xia and Tsai Hai, em Taipei, Taiwan.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
    8Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
    9Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
  • Sem título e data
    10Sem título e data
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
    11Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
  • Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.
    12Sem título, da série Bebês feios, 1997- 1999.