Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Inteligência artificial compõe música pop

Sony criou duas canções e uma delas será incluída em um disco que será lançado em 2017

Sony criou duas canções com inteligência artificial.

O Laboratório de Pesquisa da Sony compôs duas canções usando a inteligência artificial. A criação se deve a um software que aprende estilos de música extraídos de um grande banco de dados e aplica uma combinação de técnicas de transferência, otimização e interação de estilos. Com o resultado dessa combinação, o compositor francês Benoît Carré completou, arranjou e produziu as canções. Ele também escreveu as letras. A Sony está experimentando com outros compositores.

A empresa afirma que com essa técnica podem ser compostas músicas de qualquer estilo. Uma delas é Daddy’s Car, criada no estilo dos Beatles, que será parte de um disco feito com inteligência artificial que a Sony lançará em 2017. A outra canção se chama The Ballad of Mr Shadow e é inspirada em compositores norte-americanos como Irving Berlin, Duke Ellington, George Gershwin e Cole Porter.

O processo de criação teve várias etapas. A primeira foi a criação de um banco de dados com cerca de 13.000 músicas de diferentes compositores e estilos, como jazz e pop. Em seguida, o compositor Carré selecionou um estilo e um gênero. A terceira etapa foi combinar os pedaços de áudio gerados pelo software, o que foi feito pelo músico. Finalmente, o compositor terminou a mixagem e a produção.

MAIS INFORMAÇÕES