Gastronomia saudável

Adeus, cupcake, oi, torta de beterraba: as gurus da vida saudável já chegaram

Elas colecionam seguidores nas redes e publicam seus próprios livros de gastronomia.

Madeleine Shaw sempre sorridente e disposta a cozinhar algo saudável.
Madeleine Shaw sempre sorridente e disposta a cozinhar algo saudável.Intagram Madeleine Shaw

A acreditar no Instagram, os cupcakes já passaram desta para a melhor. Eles foram expulsos de seus domínios pelas tortas de beterraba, os bolinhos de quinoa e pelos sucos verdes. O saudável vende, sobretudo quando é promovido por mulheres jovens e fotogênicas. E estas não são it girls comuns: têm a atitude positiva das heroínas da Disney e passam os domingos preparando os cardápios da semana em vez de cuidar da ressaca da noite anterior. Digamos que, se as blogueiras de moda insinuam que a sua vida ficaria completa com o último clone de Isabel Marant, as gurus do wellness prometem a felicidade pelo caminho de uma dieta sem açúcar refinado nem glúten. Que as musas do street style abram passagem: as meninas saudáveis são a nova sensação online.

Essas cheerleaders da vida saudável colecionam seguidores nas redes sociais, colaboram com revistas e publicam seus próprios livros de gastronomia. Sua influência é cada vez maior e se cresce vertiginosamente, desde a popularização do leite de amêndoa nas listas de compras até os caterings da indústria da moda: em apresentações em que o normal seria servir champanhe às 11 da manhã, agora se degusta chai lattes de tâmara e castanha de caju. E são muito felizes com isso.

MAIS INFORMAÇÕES

Embora não o admitam, elas são discípulas de Gwyneth Paltrow, ainda que conscientes das críticas que a atriz recebe e procurando ser mais autênticas do que ela. Sempre têm tempo para uma aula de ioga e cozinham com ingredientes caros e sofisticados, como as sementes de chia, o cacau cru e a farinha de trigo sarraceno, mas sorriem tanto, mostram-se tão preocupadas com o nosso bem-estar e respondem aos seus seguidores com tanta assiduidade, que qualquer um se sentiria um tanto cínico por criticá-las.

Calgary Avansino, uma total influencer no assunto da vida saudável.
Calgary Avansino, uma total influencer no assunto da vida saudável.

Algumas delas acabaram se formando como nutricionistas, como é o caso da britânica Madeleine Shaw, que se converteu à dieta depois que sua obsessão pelas dietas e alimentos de baixa caloria desenvolveram uma síndrome do cólon irritado e outros problemas de saúde. Hoje, ela é professora de cozinha, coach e também acaba de lançar seu livro Get the Glow. Outras vem do mundo da moda, como Calgary Avansino, uma ex-Voguette que tem a sua própria linha de sucos congelados, e Eve Kalimik, ex-relações púbicas de marcas como Céline. De Estocolmo, Luise Vindahl e David Frenkiel refletem uma vida familiar idílica quase impossível de se imaginar e ainda compartilham suas receitas vegetarianas pelo blog Green Kitchen Stories.

As irmãs Jasmine e Melissa Hemsley, modelos e executivas de uma marca de calçados, são tão glamorosas quanto qualquer cozinheira que algum produtor de Hollywood imaginasse. Curiosamente, porém, sua receita principal é uma coisa tão pouco sexy quanto uma sopa de ossos. Elas aparecem constantemente na Vogue britânica, inclusive exibindo seu look cotidiano, e a santa patroa Paltrow deu o seu aval para o seu spiralizer, um aparelhinho que corta verduras na forma de macarrão.

Ella Woodward escreve no blog Deliciously Ella.
Ella Woodward escreve no blog Deliciously Ella. (Reprodução Instagram)

A rainha de todas elas é, sem dúvida, Ella Woodward. Em apenas 3 anos, essa londrina se consagrou como um verdadeiro fenômeno multimídia. Seu blog Deliciously Ella já recebeu mais de 17 milhões de hits, seu aplicativo já foi baixado 70.000 vezes e seu livro é a coletânea de receitas que se vendeu mais rapidamente na história da Inglaterra.

Parte de sua força tem muito a ver com a sua história pessoal. Woodward, de 23 anos, vem de um meio nitidamente bem acomodado. Filha de um político trabalhista e herdeira de uma família que é proprietária da rede de supermercados Sainsbury's, cresceu em uma mansão do século XVII perto de Oxford e foi educada em colégios internos de elite. Suas férias são divididas entre as casas da família nos Alpes, nos Hamptons, na ilha caribenha de Mustique e no sul da França. Mas essa vida privilegiada veio por água abaixo quando, em 2011, ela foi diagnosticada com uma doença rara chamada síndrome de taquicardia postural, que afeta o sistema nervoso e a deixou paralisada na cama com dores de cabeça, palpitações e problemas digestivos. Além de seguir um tratamento médico, ela decidiu mudar radicalmente a dieta e abandonar a grande quantidade de açúcar refinado que usava todos os dias, o glúten, os laticínios, os alimentos industrializados e a carne. Ella conta que, em duas semanas, já começou a perceber os efeitos. Começou a escrever o seu blog ao mesmo tempo em que aprendia a cozinhar e inventava novas receitas. Há quem tenha descrito o sabor de seus brownies de batata –seu prato mais popular—como azedos e sua textura como emborrachada. São pequenos detalhes que os seus fieis (e, esperemos, saudáveis) seguidores certamente perdoam.

Arquivado Em: