Carnaval

Guia definitivo do carnaval paulistano

Mais de 300 blocos desfilarão pelas ruas dos quatro cantos da cidade neste ano

Foliões no bloco "Baixo Augusta" do ano passado.
Foliões no bloco "Baixo Augusta" do ano passado.N. A. (Folhapress)

O ano passado ficará marcado como aquele que trouxe de volta o Carnaval às ruas de São Paulo e 2015 promete tirar ainda mais foliões de casa. Em 2014, a prefeitura da cidade estimou que cada um dos 200 blocos que desfilaram pela cidade no Carnaval reuniu cerca de 5.000 pessoas.

Neste ano, a Prefeitura recebeu a inscrição de 300 blocos que desfilam em 27 regiões diferentes da cidade. Por este site, é possível procurar o bloco por nome, região onde o desfile acontece ou data, com a programação completa.

Mesmo antes do Carnaval - a Terça-Feira Gorda neste ano cai no dia 17 de fevereiro -, as baterias já estão aquecendo. Como cinco dias são pouco, a festa pagã já começou e os blocos prometem música a partir deste final de semana.

Confira a agenda, que inclui blocos de cultura afro, rock, axé e forró e folia kids friendly:

Sexta-feira, 06 de fevereiro

MAIS INFORMAÇÕES

Banda Bantantã - Fundada em 1979 por funcionários e da USP e frequentadores dos bares ao redor da Universidade, a banda faz uma brincadeira com o nome do bairro Butantã. A concentração é a partir das 16h na Avenida Waldemar Ferreira com Desembargador Armando Fairbanks, no Butantã. Grátis. 

Sábado, 07 de fevereiro

Bangalafumenga  – Em 1998 a banda surgiu no Rio de Janeiro, mas desde 2011 dá seu ar da graça em São Paulo. No Rio, atrai multidões atrás das músicas brasileiras que fazem parte do repertório. A concentração acontece na Avenida Paulo VI (continuação da Avenida Sumaré), a partir das 10h. Grátis.

Sargento Pimenta - Depois da festa fechada no Cine Joia, o bloco desfila pelas ruas de Pinheiros a partir das 15h, na Avenida Paulo VI, mesmo ponto de encontro do Bangalafumenga. Dessa vez, de graça.

Bloco Nu’interessa - O bloco se concentra na Rua Filinto de Almeida, 50, na Vila Madalena, a partir das 13h. O bloco é gratuito, mas quem comprar a camiseta – cujo valor ainda não foi divulgado e os organizadores afirmam reverter as vendas para entidades beneficentes – terão direito a bebidas e a uma atração especial, no bar Pasquim, no final do percurso.

Bloco Ciga-nos – Um coletivo de produtores e DJs, que trabalha com temática cigana deu origem ao bloco que, pelo segundo ano seguido, sairá às ruas, com concentração a partir das 16h na Praça Roosevelt. Grátis.

Me fode que eu sou produção – Produtores de cinema, teatro e outros meios culturais se reuniram para criar o bloco que é kids friendly. Para “engrossar o caldo” os organizadores pedem que o público leve seu instrumento. A partir das 15h na Praça Roosevelt. Grátis.

Bloco da Ressaca - Moradores e amigos do bairro Cambuci compõem o bloco que, desde 1984, sai com um trio elétrico e dezenas de músicos. Neste ano, o tema será "Sem eira nem beira, de ressaca na Cantareira". No Largo do Cambuci, a partir das 14h. Grátis.

Bloco Soviético - Com irreverência, os foliões anunciam a terceira edição do "bloco de Carnaval revolucionário". Os foliões saem de vermelho pelas ruas de Higienópolis e dos Jardins. "Mantendo a tradição, saímos uma semana antes do Carnaval que é pro capitalismo cair a tempo do festerê todo", diz o texto no Facebook. A partir das 16h, em frente ao Tubaína Bar, na rua Haddock Lobo, 74, Jardins. Grátis.

Bloco Orra Meu! - Criado em 2014 para resgatar a tradição Carnavalesca do bairro da Mooca, tem marchinhas e foliões fantasiados. Neste ano, o bloco receberá doações de alimentos não perecíveis para instituições de amparo à criança. A partir das 15h, na Rua Visconde de Inhomerim. Grátis.

A Ema Gemeu de Canto a Canto - Nesse bloco, criado em 2014, o estilo musical que reina é o forró. A concentração é a partir das 14h, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 364, Pinheiros. Grátis.

Amigos & Cia - Bloco kids friendly, reúne famílias em torno de marchinhas, confete e serpentina. A partir das 16h, na Rua Santo Amaro, Bela Vista. Grátis.

Banda da Barbearia - Para os fãs de axé, o bloco estreia no carnaval da cidade neste ano. A partir das 14h, na Rua Mateus Grou, Pinheiros. Grátis.

Domingo, 08 de fevereiro

Bloco Não serve Mestre - O bloco estreia no Carnaval da cidade a partir das 12h na Rua Rodésia, 484, na Vila Madalena. Toca marchinhas e música brasileira, pede aos foliões que cheguem fantasiados e é kids friendly. Grátis.

Acadêmicos do Baixo Augusta - Famosos e moderninhos da região da rua Augusta formam esse bloco que, no carnaval do ano passado reuniu o maior número de foliões: 40.000 pessoas. Neste ano, os acadêmicos desfilam sob o tema "Desbunde na Augusta". O horário e o percurso ainda não foram definidos. Grátis.

Quizomba - Mais um bloco carioca que divide a festa entre o Rio de Janeiro e São Paulo. Fundado há 14 anos, fará um desfile na capital paulista pela terceira vez. Músicas brasileiras de Caetano Veloso, Tim Maia e Wilson Simonal são mescladas com Nirvana e Rolling Stones, além das tradicionais marchinas e samba. A partir das 14h na Avenida Paulo VI, Sumaré. Grátis.

Cordão Carnavalesco Confraria do Pasmado - No ano passado, mais de 20.000 pessoas seguiram o bloco pelas ruas da Vila Madalena. Por causa do tamanho da multidão, o cortejo será neste ano pelas ruas de Pinheiros, na Rua Padre Carvalho com a Avenida Faria Lima. A partir das 13h. Grátis.

Quarta-feira, 11 de fevereiro

Banda do Candinho e as Mulatas - Fundada em 1981, a banda desfila todas as quartas-feiras antes do carnaval. Neste ano, fará homenagens aos teatrólogos e atores de cinema Emilio e Crys Fontana. A partir das 19h, na Rua 13 de Maio, esquina com a Rua Santo Antonio, no Bixiga. Grátis.

Quinta-feira, 12 de fevereiro

A PUC que te Pariu - Criado pelo Centro Acadêmico Leão XIII no ano passado, esse bloco marca o início 'oficial' do carnaval e reúne estudantes e ex-estudantes da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. A partir das 18h, na Rua Ministro de Godói, em frente à PUC.

Sexta-feira, 13 de fevereiro

Bloco Gonzagão - Os ritmos do forró embalam esse bloco, que se concentra às 14h no Parque Villa Lobos. O cortejo termina na escola de samba Império Lapeano. Grátis.

Antiacadêmicos do Baixo Pinheiros - O bloco se diz "no avesso dos repertórios": toca rock, brega, pagode e forró em ritmo de samba, frevo e marchinha. A partir das 22h, na Rua Belmiro Braga, em Pinheiros. Grátis.

Banda do Trem Elétrico - Fundada em 1984 por metroviários e amigos leva as cores vermelho, azul e amarelo e um pequeno metrô com vários instrumentos musicais como símbolo. A concentração é às 21h30, na Rua Augusta. Grátis.

Bloco Afro Ilú Obá De Min - O bloco é comandado apenas por mulheres, que fazem um resgate das culturas tradicionais afro-brasileiras. Durante a apresentação, diversos bonecos de perna de pau desfilam com a música. A partir das 19h30, no Viaduto do Chá, no Anhangabaú. Grátis.

Sábado, 14 de fevereiro

Bloco Tarado Ni Você – a homenagem a Caetano Veloso começa com concentração às 12h na esquina da Avenida Ipiranga com a Avenida São João. Fique de olho: O bloco é gratuito, mas, no ano passado, um cordão separava os "vips" do público comum. Não conseguimos detectar o que poderia classifica um vip de um folião qualquer.

Cordão Carnavalesco Confraria do Pasmado - A partir das 8h, o bloco faz um repeteco pelas ruas de Pinheiros. Na Rua Padre Carvalho, esquina com a Avenida Faria Lima. Grátis.

As Virgens do Minhocão - O bloco diz seguir a tradição de um "bloco de travestidos aliada com elementos do carnaval de Olinda e João Pessoa". No som, marchinhas e um hino atualizado a cada ano. A partir das 13h, no Largo Santa Cecília, Santa Cecília. Grátis.

Beat Box - Criado pelo coletivo Metanol FM, o bloco é composto de um caminhão baú que circula pela cidade carregando música e imagens apresentadas ao vivo. A cada parada, produtores e DJs se integram ao bloco em apresentações. A partir das 16h, na Avenida Paulista, 900. Grátis.

Domingo, 15 de fevereiro

Afoxé Oba Inã - O bloco retrata a cultura de matriz africana com o afoxé e as cantigas de ritmo ijexá. Foi fundado em 2011 e foca na divulgação da cultura afro. Começa às 17h na Avenida Domingo de Morais, na Vila Mariana. Grátis.

Ala Tambores de Ogum - O bloco leva para as ruas o que aprende nas aulas da Escola Curimba Tambores de Ogum, fundada em 2009 para difundir o toque e o canto umbandista. A partir das 16h, na Praça José Azevedo Antunes, na Lapa. Grátis.

Arrastão da Vila Guarani - Fundado em 1983, o bloco leva famílias e crianças pelas ruas do bairro com samba-enredo próprio e fantasias. A partir das 16h, na Rua Domingos de Santa Maria, 150, Vila Guarani. Grátis.

Beat Box - Repeteco do bloco criado pelo coletivo Metanol FM. A partir das 16h, na Avenida Paulista, 900. Grátis.

Bloco Afro Ilú Obá De Min - Repeteco do bloco, a partir das 14h, na Rua Lopes de Oliveira, Santa Cecília. Grátis.

Segunda-feira, 16 de fevereiro

Afoxé Oba Inã - O segundo desfile do bloco começa às 18h na Avenida Domingo de Morais, na Vila Mariana. Grátis.

Beat Box - Repeteco do bloco criado pelo coletivo Metanol FM. A partir das 16h, na Avenida Paulista, 900. Grátis.

Terça-feira, 17 de fevereiro

Acadêmicos da Cerca Frango - O grupo se reúne todas as terças-feiras para tomar uma cerveja. Em 2013, decidiram se reunir na terça-feira de carnaval, e assim o bloco foi criado. A concentração é às 15h30 na Rua Aimberê com a Rua Cajaíba, em Perdizes. Grátis.

Afoxé Oba Inã - O terceiro desfile do bloco é no mesmo horário e local que o segundo: Começa às 18h na Avenida Domingo de Morais, na Vila Mariana. Grátis.

Agora Vai - Nasceu em 2004 e reúne crianças e "apaixonados por carnaval". O percurso passa pelo Minhocão e tem o roxo e o amarelo como cores oficiais - as mesmas do Engov. A partir das 16h, na Rua Marta, na Barra Funda. Grátis.

Antiacadêmicos do Baixo Pinheiros - Repeteco do bloco que saiu na sexta-feira 13. A partir das 9h, na Rua Belmiro Braga, em Pinheiros. Grátis.

Beat Box - Repeteco do bloco criado pelo coletivo Metanol FM. A partir das 16h, na Avenida Paulista, 900. Grátis.

Saideira

Sábado, 21 de fevereiro

Macaco Cansado - A banda, fundada em 2012, é uma agremiação de artistas profissionais e amadores da cidade. O repertório toca músicas de autoria própria e de outros compositores brasileiros. A partir das 14h, no Beco do Batman, na Vila Madalena. Grátis.

Domingo, 22 de fevereiro

Vou de Táxi - O bloco tem no seu repertório as músicas brasileiras dos anos 90. A concentração ocorre na Rua Fidalga, na Vila Madalena, a partir das 14h e é grátis.

Acadêmicos do Parque Bristol - Criado em 1992 por amigos que desfilavam em várias escolas de samba de São Paulo. A saideira do carnaval começa às 14h, na Rua José Pinto Tavares, no Parque Bristol. Grátis.

A programação completa do carnaval 2015 pode ser vista aqui.

Arquivado Em: