Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

Abusos, vídeos sexuais e maus tratos: o difícil divórcio de ex-Spice Girl Mel B

A cantora e ex-Spice Girl consegue uma ordem de afastamento contra o ex-marido, Stephen Belafonte, a quem acusa de ameaças para destruir sua vida e carreira

Em meados de março, a cantora Melanie Brown (ou Mel B, como ficou mundialmente conhecida) anunciava o divórcio daquele que havia sido seu marido na última década. A cantora e ex-Spice Girl justificou a separação do produtor Stephen Belafonte com o argumento de “diferenças irreconciliáveis”. Mas, como revelado agora pelo portal TMZ, parece que as razões para a ruptura são muito mais graves. Segundo o site, Melanie Brown acaba de obter uma ordem de afastamento contra seu ex-parceiro, a quem acusa de tê-la agredido, forçado a ter relações com ele e outras mulheres e ameaçado divulgar vídeos sexuais para prejudicar sua carreira.

Segundo os advogados da artista, de 41 anos, a cantora obteve uma ordem de afastamento contra Belafonte tanto para ela quanto para seus três filhos, e que também obriga o produtor, de 41 anos, a deixar a casa da família em Hollywood Hills. De acordo com trechos do processo ao qual o TMZ teve acesso, Mel B diz que seu ex-marido seguia um padrão e, cada vez que ela se destacava em algo — como chegar à final do Dançando com as Estrelas —, colocava as mãos em volta de seu pescoço e a agredia até que caísse no chão, “para que eu soubesse quem mandava”. Segundo a cantora, os abusos começaram no primeiro ano de seu casamento, em 2007.

Nos documentos apresentados para o processo e reproduzidos pelo TMZ, Mel B também lembra um episódio ocorrido em julho de 2012. Quando ia cantar com Usher no programa X-Factor, no qual Mel B é jurada, Belafonte teve um ataque de ciúmes e lhe deu um murro que feriu seus lábios. Um episódio de violência que voltou a ocorrer um dia depois que as Spice Girls se reuniram novamente para se apresentar na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres, o que a obrigou a escrever um tuíte dizendo que havia se machucado por andar de salto alto.

Além desses episódios violentos, a cantora também diz que seu ex-marido engravidou a babá, que acabou abortando e recebeu 300.000 dólares (cerca de 927.000 reais) por “serviços extras”. Por tudo isso, Mel B disse que tentou deixar o marido no passado em numerosas ocasiões, mas “me ameaçava com violência e [dizia] que ia destruir minha vida de todas as formas possíveis... Como destruindo minha carreira e levando meus filhos”.

Mel B e Stephen Belafonte, na última foto do casal postada pela cantora em seu Instagram, há dois meses.
Mel B e Stephen Belafonte, na última foto do casal postada pela cantora em seu Instagram, há dois meses.

Por sua parte, Belafonte negou tudo. “Não soube dessas acusações. Sabe quais são meus comentários a respeito, já que ela é a mãe dos meus filhos? Minha mente está realmente chocada em como isso vai afetar nossos filhos. E na escuridão na qual ela está. Isso é tudo; estou chocado com essas alegações”, respondeu diante de uma câmera do TMZ. Até o momento, a cantora só postou uma frase em sua conta no Instagram com 834.000 seguidores — na qual aparece em fotos com seu ex-marido: “Você tem que ser o mais forte quando está em seu momento mais fraco”.

Mel B e Belafonte são pais de uma menina de 5 anos, Madison. A cantora também tem uma filha de 18 anos, Phoenix Chi, de seu primeiro casamento com Jimmy Gulzar, e outra menina de 9 anos, Angel, fruto de um relacionamento com o ator Eddie Murphy, contra quem teve que lutar nos tribunais para reconhecer sua paternidade. Belafonte, produtor de filmes como Obrigado por Fumar e A Era da EscuridãoCrônicas Mutantes, também tem uma filha de um relacionamento anterior.

MAIS INFORMAÇÕES