Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

O Real Madrid contrata Keylor Navas

O goleiro costa-riquenho, um dos destaques da Copa do Mundo, é a terceira contratação do clube depois de Kroos e James Rodríguez

Navas, na Copa, contra a Holanda. Ampliar foto
Navas, na Copa, contra a Holanda. AFP

Keylor Navas, o goleiro que assustou o mundo durante a Copa no Brasil, é oficialmente jogador do Real Madrid. O costa-riquenho, de 27 anos converteu-se na terceira contratação do clube para esta temporada, depois das chegadas de Toni Kroos e James Rodríguez. Acostumado a comprar os melhores nomes da Copa do Mundo, desta vez o Real conseguiu três de três, um mercado cheio de jogadores do Mundial. Nem mesmo a atual situação do gol branco, com uma insólita alternância entre Casillas e Diego López na temporada passada, impediu a chegada de outro grande goleiro. O Levante, ex-clube do atleta, recebe 10 milhões de euros, o total da sua cláusula de rescisão.

Os reflexos de Navas já eram conhecidos no Campeonato Espanhol, mas seu desempenho no Brasil o colocou na mira dos holofotes internacionais. Fez 21 defesas em cinco partidas nesse torneio, quatro a menos que o melhor goleiro eleito, o alemão Neuer, que acabou campeão do mundo. No entanto, o jogador do Levante registrou uma porcentagem de defesas superior à do alemão: 91,3% contra 86,2%. Além disso, foi chave na campanha histórica da sua seleção até as quartas de final, na qual manteve a sua equipe em jogo mesmo com um a menos desde os 15 minutos do segundo tempo e ainda parou um pênalti do grego Gekas. O goleiro tornou-se um herói absoluto dos costa-riquenho. A Costa Rica sofreu apenas dois gols em todo torneio, o qual terminou invicta.

Para Navas, chegar ao Real Madrid não significa apenas competir com Casillas e Diego López, a quem o clube convidou a deixar a equipe, mas também pisar em um dos palcos mais importantes do planeta e multiplicar o seu salário: no Levante, ganhava por volta de 250.000 euros, um dos rendimentos mais baixos. Agora, a equipe precisa decidir como resolver a equação dos seus goleiros, que está agora ainda mais complexa do que na temporada passada. "Comparar Casillas a Navas é muito fácil, apesar do Mundial. Casillas é titular com o Real Madrid. Não sei se será que nem ano passado. Temos tempo para pensar nisso porque a primeira partida oficial será em 12 de agosto", explicou, durante o verão, Carlo Ancelotti, técnico do Real Madrid, que já confirmou que o espanhol será titular na Supercopa. Navas será apresentado à torcida na próxima terça-feira, às 13:00 (horário local) no palco de honra do estádio Santiago Bernabéu.

Os jogadores da Costa Rica abraçam Navas, após a classificação para as oitavas de final. ampliar foto
Os jogadores da Costa Rica abraçam Navas, após a classificação para as oitavas de final. AP

MAIS INFORMAÇÕES