DOIS SÉCULOS DO PRADO

O que seriam dos quadros do Prado sem as pessoas?

Da multidão à solidão, do barulho ao silêncio. O artista José Manuel Ballester sonhou no Prado um universo pictórico sem seres vivos. Somente o cenário permanece. Resultado: uma desolação visual... e um ensaio conceitual. Mostramos a arte que é e a que poderia ser

Síndrome de Stendhal

Uma beleza irresistível?

Infarto sofrido por um homem em frente a ‘O Nascimento de Vênus’, de Botticelli, reabre o debate sobre a síndrome de Stendhal