Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

11 de setembro: novas imagens do ataque ao Pentágono

FBI distribui 20 novas fotos do atentado contra a sede do Departamento de Defesa em 2001

  • Uma coluna de fogo e fumaça sai da fachada do Pentágono após o impacto de um avião da American Airlines que fazia o voo 77, sequestrado por cinco terroristas sauditas em 11 de setembro de 2001.
    1Uma coluna de fogo e fumaça sai da fachada do Pentágono após o impacto de um avião da American Airlines que fazia o voo 77, sequestrado por cinco terroristas sauditas em 11 de setembro de 2001. EFE
  • Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas.
    2Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas. EFE
  • Vista aérea dos danos ao Pentágono após o impacto do voo 77 da American Airlines, sequestrado por cinco terroristas sauditas em 11 de setembro de 2001, pouco depois de decolar do Aeroporto Internacional Dulles, em Washington. O FBI distribuiu 20 novas imagens da tragédia no Pentágono.
    3Vista aérea dos danos ao Pentágono após o impacto do voo 77 da American Airlines, sequestrado por cinco terroristas sauditas em 11 de setembro de 2001, pouco depois de decolar do Aeroporto Internacional Dulles, em Washington. O FBI distribuiu 20 novas imagens da tragédia no Pentágono. EFE
  • Bombeiros tentam extinguir o incêndio causado pela queda do voo 77 da American Airlines sobre as instalações do Pentágono.
    4Bombeiros tentam extinguir o incêndio causado pela queda do voo 77 da American Airlines sobre as instalações do Pentágono. EFE
  • Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do Aeroporto Dulles (Washington) com destino a Los Angeles.
    5Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do Aeroporto Dulles (Washington) com destino a Los Angeles. EFE
  • Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do aeroporto Dulles (Washington) com destino a Los Angeles.
    6Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do aeroporto Dulles (Washington) com destino a Los Angeles. EFE
  • Imagem dos danos causados numa parede interna do Pentágono pelo impacto causado pelo voo 77 da American Airlines.
    7Imagem dos danos causados numa parede interna do Pentágono pelo impacto causado pelo voo 77 da American Airlines. EFE
  • Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do aeroporto Dulles (Washington).
    8Especialistas do FBI coletam provas depois da queda do voo 77 da American Airlines contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo depois de decolar do aeroporto Dulles (Washington). EFE
  • Restos do voo 77 da American Airlines, que caiu sobre as instalações do Pentágono depois de ser sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo após decolar do Aeroporto Dulles (Washington).
    9Restos do voo 77 da American Airlines, que caiu sobre as instalações do Pentágono depois de ser sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo após decolar do Aeroporto Dulles (Washington). EFE
  • Máquina retira escombros do local exato onde o voo 77 da American Airlines se chocou contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo após decolar do Aeroporto Internacional Dulles, em Washington.
    10Máquina retira escombros do local exato onde o voo 77 da American Airlines se chocou contra as instalações do Pentágono. O avião havia sido sequestrado por cinco terroristas sauditas, em 11 de setembro de 2001, logo após decolar do Aeroporto Internacional Dulles, em Washington. EFE
  • Máquina retira escombros do local exato onde o voo 77 da American Airlines se chocou contra as instalações do Pentágono.
    11Máquina retira escombros do local exato onde o voo 77 da American Airlines se chocou contra as instalações do Pentágono. EFE
  • Restos da fuselagem do voo 77 da American Airlines que se chocou contra as instalações do Pentágono.
    12Restos da fuselagem do voo 77 da American Airlines que se chocou contra as instalações do Pentágono. EFE
  • Uma coluna de fogo e fumaça sai da fachada do Pentágono após o impacto de um avião da American Airlines sequestrado por cinco terroristas sauditas.
    13Uma coluna de fogo e fumaça sai da fachada do Pentágono após o impacto de um avião da American Airlines sequestrado por cinco terroristas sauditas. EFE