gente

Lawrence: “Não é um escândalo, é um crime sexual”

A premiada atriz fala pela primeira vez do roubo de fotos íntimas de que foi vítima

Fotos íntimas que Lawrence tirou começaram a ser vazadas em agosto.
Fotos íntimas que Lawrence tirou começaram a ser vazadas em agosto.

Jennifer Lawrence pôs a boca no mundo. Os hackers que roubaram as fotos em que aparece nua e as espalharam pela Internet são “criminosos”, e seu delito é de caráter sexual. Quem apenas viu as imagens tampouco se livra, pois perpetuou dessa forma uma violência sexual, uma violação da sua intimidade sexual. Mesmo no caso de pessoas que a atriz conhece e ama. Foi assim que a jovem estrela se manifestou pela primeira vez sobre o caso, após guardar silêncio sobre isso desde o vazamento das imagens, no fim de agosto.

A divulgação das imagens dela e de muitas outras famosas, sem o seu consentimento, constituiu um dos maiores escândalos já ocorridos no mundo virtual. As declarações à revista Vanity Fair rompem um silêncio que Lawrence, de 24 anos, três vezes indicada ao Oscar e uma vez ganhadora, também explicou. A atriz disse que tentou em várias ocasiões redigir uma nota ao público, mas que sempre acabava chorando ou enfurecida. “Comecei a escrever um pedido de desculpas, mas não tinha nada do que me desculpar”, afirma a estrela. As fotos eram fruto de uma “relação ótima, saudável e amorosa” com uma pessoa que passou quatro anos ao seu lado (supostamente o também ator Nicholas Hoult). Era uma relação à distância, em que “ou seu namorado vê pornô ou vê você”, acrescenta a protagonista de Jogos Vorazes, com sua habitual desenvoltura.

MAIS INFORMAÇÕES

“Isto não é um escândalo. É um crime sexual. É uma violação sexual. É asqueroso. O fato de você ser uma figura pública, ser atriz, não quer dizer que você esteja procurando isto. Não é parte da profissão. É o meu corpo, e deve ser minha escolha”, afirma ela, com clareza. Na mesma entrevista, que sairá na edição de novembro da revista, a ganhadora do Oscar por O Lado Bom da Vida defende uma alteração na legislação para penalizar essas atitudes. “É preciso mudar as leis, e nós precisamos mudar. Por isso os sites também são responsáveis”, salienta. Ninguém se livra. Como acrescenta a atriz, qualquer um que olhe para essas imagens está perpetuando o crime sexual e “deveria se envergonhar”, acrescenta. “Não posso acreditar que vivemos em um mundo assim.”

A atriz reconhece que temeu por sua carreira, mas acrescenta que a parte mais difícil desse crime foi falar com seu pai. “Quando precisei fazer essa ligação para o meu pai e lhe explicar o que tinha acontecido… Não importa quanto dinheiro eu ganhe por Jogos Vorazes. Posso jurar que, se me dessem a opção entre uma quantia em dinheiro assim ou fazer essa ligação para dizer ao meu pai que algo assim aconteceu, não vale a pena.” Segundo a revista Forbes, a fortuna de Lawrence é de 34 milhões de dólares (81,8 milhões de reais), o que a coloca como a 12ª. artista mais bem paga na lista deste ano.

Embora o FBI continue investigando como essas e muitas outras fotos de celebridades foram parar na rede – aparentemente depois de serem obtidas em invasões de contas particulares das famosas no iCloud –, Lawrence afirma não esperar muita coisa, e diz que que conseguiu fazer as pazes com esse incidente e tocar a vida em frente. Inclusive se permite brincar sobre a incômoda ligação para o seu pai. Na mesma entrevista, ela contou que “felizmente” Gary Lawrence estava jogando golfe quando recebeu o telefonema, “então estava de bom humor”.