STF atende pedido de Temer e áudios serão periciados pela Polícia Federal

O pedido de suspensão do inquérito feito por Temer será analisado pelo STF na próxima quarta

Delação JBS
Michel Temer, em pronunciamento neste sábado, em Brasília. AP
São Paulo / Brasilia / Rio de Janeiro

O presidente Michel Temer fez um segundo pronunciamento neste sábado, no qual anunciou que pediu ao STF a suspensão do inquérito que o investiga. O Planalto está novamente no centro de uma grave crise política após a revelação da delação do dono da JBS, Joesley Batista, que gravou uma conversa com o presidente sobre os planos do executivo para obstruir a Operação Lava Jato. O senador Aécio Neves (PSDB), também gravado ao pedir 2 milhões de reais, teve seu mandato suspenso pelo STF. Agora, partidos aliados avaliam se deixam a base do Governo, enquanto movimentos sociais pedem eleições diretas.

Acompanhe as últimas notícias:

MAIS INFORMAÇÕES