Racismo no futebol

“Temos de colocar a cara mesmo e brigar contra o racismo”

Everton Luiz, do Partizan Belgrado, fala sobre o episódio na Sérvia que o fez sair chorando do campo e diz que o que o mais o feriu foi a indiferença dos jogadores rivais