Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

“Atiravam as crianças pela janela”, dizem testemunhas sobre o incêndio em Londres

Testemunha relata as cenas de horror vividas durante o incêndio de um prédio residencial em Londres

Amina Shar, uma vizinha do edifício Grenfell, que foi destruído por um incêndio na madrugada desta quarta-feira na Latimer Road, zona oeste de Londres, contou ao EL PAÍS as cenas de horror que viveu durante a tragédia que deixou 12 pessoas mortas e 74, feridas. Ela assistiu às chamas avançarem enquanto dezenas de pessoas permaneciam presas no interior do prédio.

“Cheguei por volta das 0h45, vi que este lado do edifício estava em chamas, mas não parecia tão mal. O fogo tinha ido para cima, em direção ao topo, e depois para baixo. Em duas horas, já tinha queimado o prédio todo. Vi muitas crianças nas janelas, com as mãos apoiadas nas janelas, gritando, grunhindo, pedindo ajuda. ‘Socorro, socorro, me tirem daqui!’. O telhado do edifício estava em chamas por um lado, da esquerda para a direita, tudo em volta. E todas as crianças e mães estavam nas janelas, gritando. Algumas mães estava atirando seus filhos. Uma mãe tentava estender uma corda para descer mas era alto demais para descer. Dissemos para ela não tentar”.

Os membros dos serviços de ambulância e os bombeiros diziam para as mães que tentavam sair do prédio para ficarem, fecharem as janelas e esperarem. Não achei que era uma boa ideia porque, se você encontra uma maneira de sair, você tem que sair. Toda a parte superior ficou queimada como uma folha de papel e todas as pessoas que estavam nas janelas desapareceram”.

 

MAIS INFORMAÇÕES