Seleccione Edição
Entra no EL PAÍS
Login Não está cadastrado? Crie sua conta Assine

10 lugares para declarar seu amor

Da costa de Amalfi à paisagem antártica, dez destinos para que te respondam “sim, aceito”

Vista del Pont dê Arts sobre o rio Sena, em París. Ao fundo, a torre Eiffel. Ver galeria de fotos
Vista del Pont dê Arts sobre o rio Sena, em París. Ao fundo, a torre Eiffel.

Uma vez encontrada a pessoa para passar o resto da vida, você terá de enfrentar uma decisão delicada, ou seja, onde formular a grande pergunta: “Quer casar comigo?”. Esses são 10 lugares do mundo nos quais será muito provável te dizerem sim.

01 Bagan

MIANMAR

Interior de um templo budista em Bagan (Mianmar). ampliar foto
Interior de um templo budista em Bagan (Mianmar).

Os amanheceres já costumam ser românticos, mas os de Bagan, na antiga Birmânia, são realmente mágicos. A cidade que foi a capital do reino de Pagan entre os séculos IX e XII chegou a abrigar 10.000 monastérios, templos e pagodes. Atualmente, a planície que cerca Bagan está pontilhada com mais de 2.000. É possível subir no alto de um deles em casal (Lawkaoushaung seria uma boa escolha) e ver o sol nascente, que transforma a paisagem em uma tela dourada cheia de silhuetas. É uma visão incrível e uma ocasião perfeita para fazer a pergunta.

O melhor momento para visitar Bagan, situada a 190 quilômetros ao sul de Mandalay, é entre novembro e fevereiro.

02 Trolltunga

SKJEGGEDAL (NORUEGA)

Um casal em Trolltunga, um vertiginoso mirante natural sobre o lago Ringedalsvatneten, em Skjeggedal (Noruega). ampliar foto
Um casal em Trolltunga, um vertiginoso mirante natural sobre o lago Ringedalsvatneten, em Skjeggedal (Noruega).

Se a futura noiva, ou noivo, é amante das paisagens naturais, não tem vertigens e está disposta, ou disposto, a viajar até o fim do mundo, sem dúvida apreciará que sua cara metade finque os joelhos na Língua do Troll, imponente rocha no formato de um trampolim sobre um abismo de 700 metros, com o lago Ringedalsvatneten abaixo. É preciso ir bem preparado, já que está bem afastado: a excursão de ida e volta a pé pode durar de 8 a 10 horas.

Trolltunga é acessível de meados de julho (após o desgelo) até meados de setembro. A maior cidade próxima é Bergen.

03 Nova York

(EUA)

Restaurante Loeb Boat House, no Central Park (Nova York). ampliar foto
Restaurante Loeb Boat House, no Central Park (Nova York).

Com a quantidade de locais românticos que possui, a cidade de Nova York é um destino óbvio para declarações de amor. Em alguns lugares até facilitam seu trabalho: é possível reservar com exclusividade a pista de patinação no gelo ao ar livre do Rockfeller Center, até mesmo escolhendo a música, e o mirante do 86° andar do Empire State Building conta com um saxofonista que aceita pedidos.

Outro lugar com vistas emblemáticas da cidade, mas com menos charme, é o caminho de pedestres da ponte do Brooklin. No verão, a Loeb Boat House do Central Park também é uma boa opção: pode-se alugar um bote para dois, uma gôndola ou declarar-se jantando no terraço ao lado do lago.

A entrada no Empire State Building custa 69 reais, enquanto alugar com exclusividade a pista de gelo do Rockfeller sai por volta de 890 reais.

04 Reserva de NamibRand

Árvores de aloe sob o céu noturno na reserva natural de NamibRand, na Namíbia. ampliar foto
Árvores de aloe sob o céu noturno na reserva natural de NamibRand, na Namíbia.

NAMÍBIA

No deserto namíbio a luz da lua não faz falta para criar ambiente: o brilho das estrelas é mais do que suficiente. A de NamibRand é uma das três Reservas Internacionais de Céus Escuros Nível Ouro que existem no mundo. Após passar um dia fantástico desfrutando de suas dunas, de suas montanhas e sua abundante fauna e flora, o imponente pôr do sol pode parecer o momento certo para se declarar, mas vale a pena esperar mais um pouco até que o céu alcance seu esplendor máximo.

A reserva de NamibRand se encontra no sudoeste da Namíbia. É possível chegar por estrada ou em um avião teco-teco de aluguel.

05 Costa de Amalfi

Passeio em um carro antigo pela Campania, na costa de Amalfi (Itália). ampliar foto
Passeio em um carro antigo pela Campania, na costa de Amalfi (Itália).

ITÁLIA

Veneza, Roma e Florença são boas opções, mas a costa de Amalfi, ao sul de Nápoles, parece feita para os apaixonados. Existem numerosos lugares especialmente atrativos para fazer a pergunta crucial, como a enorme Terraza del Infinito de Villa Cimbrone, em Ravello, ou a Vereda dos Deuses, acima de Positano, mas esse encantador litoral está repleto de enclaves para achar o lugar perfeito.

O jardim e a Terraza del Infinito de Villa Cimbrone abrem diariamente, das 9h até o pôr do sol (entrada 22 reais).

06 Udaipur

Um quarto do luxuoso Taj Lake Palace, em Udaipur (Índia). ampliar foto
Um quarto do luxuoso Taj Lake Palace, em Udaipur (Índia).

RAJASTÃO (ÍNDIA)

Em 1829, o coronel James Tod, primeiro agente político da Companhia das Índias Orientais na região do Rajastão, disse que a cidade de Udaipur era “o lugar mais romântico do continente indiano”. Seus sofisticados palácios, templos e havelis debruçam-se no lago Pichola, onde o Lake Palace, de mármore branco, parece flutuar sobre suas plácidas águas. Agora é um hotel de luxo e um lugar de sonho para ficar comprometido.

Os quartos do Taj Lake Palace custam um mínimo de 860 reais por noite.

07 Parque Nacional dos Arcos

Dois saltitantes excursionistas sob o Delicate Arch, em Utah (Estados Unidos). ampliar foto
Dois saltitantes excursionistas sob o Delicate Arch, em Utah (Estados Unidos).

UTAH (EUA)

As avermelhadas formações rochosas desse parque nacional, mostra do poder, da fragilidade e a beleza da natureza, são um entorno muito inspirador para os casais que se divertem explorando juntos. O Delicate Arch, com a serra do Sal ao fundo, é um dos pontos mais cativantes. O Double O Arch e o Double Arch também são lugares íntimos, mas se o casal é amante da escalada ou do ciclismo de montanha, essa região do leste de Utah tem muito mais a oferecer.

O Parque Nacional dos Arcos está a 6 quilômetros ao norte de Moab (Utah) e abre o ano todo. A entrada custa 12 reais e um lugar no camping, 50 reais.

08 Paris

O concorrido Pont des Arts, em Paris, ao anoitecer. ampliar foto
O concorrido Pont des Arts, em Paris, ao anoitecer.

FRANÇA

A cidade luz é de uma beleza hipnótica e continua sendo uma das mais românticas do mundo. A Pont des Arts, para pedestres, que cruza o Sena nas proximidades do Louvre, é um lugar estupendo para um pedido de casamento: o entorno é sublime. Uma ideia mais informal, mas igualmente encantadora, é se declarar em uma das pitorescas pontes de ferro para pedestres do canal Saint-Martin, no distrito 10.

A primavera e o verão são esplêndidos, mas tudo é mais caro e é mais concorrido. O outono e o inverno em Paris também têm seu encanto (e menos turismo).

09 Ilha Príncipe

Passarela de acesso ao Bom Bom Island Resort, na ilha Príncipe (São Tomé e Príncipe). ampliar foto
Passarela de acesso ao Bom Bom Island Resort, na ilha Príncipe (São Tomé e Príncipe).

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE

Se você procura ilhas paradisíacas em um país do qual pouca gente ouviu falar, as praias desertas de Príncipe e sua esplêndida paisagem tropical contribuirão para uma ocasião realmente íntima e muito especial. Esse pequeno país, situado na costa ocidental da África, no golfo da Guiné, tem um ambiente muito tranquilo e informal, ao qual você se acostuma na hora.

A melhor época para ir é de junho a setembro e o Bom Bom Island Resort é o lugar ideal para hospedar-se.

Caminhantes diante de uma geleira na cordilheira Salvesen, nas ilhas Geórgia do Sul. ampliar foto
Caminhantes diante de uma geleira na cordilheira Salvesen, nas ilhas Geórgia do Sul.

10 Antártida

Destino de proporções majestosas, impressionante e poderosa, já durante a longa viagem pelo vasto oceano Antártico se compreende por que a Antártida não é unicamente um local remoto, mas o verdadeiro fim do mundo. Nos dias seguintes, também se descobrirá que essa região fria e hostil é de uma beleza imponente. É preciso somente esquentar um pouco o ambiente com amor e terá todo o necessário para conseguir o esperado “Sim, aceito!”.

O melhor momento para a visita é de novembro a março, em pleno verão austral; o dia tem quase 20 horas de luz solar.

Mais informação em www.lonelyplanet.es

MAIS INFORMAÇÕES