Ricardo Piglia em 2000, em entrevista ao EL PAÍS

“Como é que alguém se transforma em escritor, ou é transformado em escritor?”

'Anos de Formação: os Diários de Emilio Renzi', de Ricardo Piglia, sai no Brasil. Leia trecho

O escritor argentino Ricardo Piglia, em uma imagem de 2014.
Homem caminha enquanto lê um livro na livraria Juan Rulfo, em Madri.

28 leituras para enxergar a América

Da Argentina aos EUA, o EL PAÍS sugere uma seleção de obras que enriqueceram 2015 na região

Ricardo Piglia em uma imagem de 2014.

A luta de Ricardo Piglia para seguir com seu tratamento contra a ELA

Justiça argentina ordena ao plano de saúde que forneça as doses prescritas ao escritor

Da esquerda para a direita os escritores: Ricardo Piglia, Marta Sanz, Jaime Gil de Biedma, Svetlana Alexiévich, Michel Houellebecq e Inger Christensen; na frente, Ian McEwan, Élisabeth Roudinesco, Sara Mesa e Chantal Maillard.

Os 10 melhores livros de 2015

Diários, ensaio, poesia e prosa conquistam os primeiros lugares na votação dos críticos e colaboradores de Babelia. Livro do ano é ‘Los diarios de Emilio Renzi’, de Piglia

Ricardo Piglia em uma imagem de 2014.

Ricardo Piglia: “A experiência da doença é a da injustiça em estado puro”

Escritor argentino fala da esclerose lateral amiotrófica e de seu refúgio na leitura 'Los diarios de Emilio Renzi' foi escolhido o livro do ano pelos colaboradores de Babelia