Decepção em Bogotá depois de conhecer-se os resultados.

Colômbia diz ‘não’ ao acordo de paz com as FARC

Colombianos decidem, com 50,2% dos votos, rejeitar os acordos de paz entre o Governo e as FARC

Bandeira branca manchada de sangue após o resultado do plebiscito.

Após o ‘não’ aos acordos, líderes políticos tentam salvar processo de paz na Colômbia

Humberto de la Calle põe seu cargo de chefe das negociações à disposição do presidente

Opositores ao processo de paz na Colômbia comemoram a vitória do Não em Bogotá. / Em vídeo:Timochenko comenta o resultado do referendo.

Timochenko: “As FARC mantêm sua vontade de paz”

Departamentos mais atingidos pela violência votam sim, mas não são suficientes para referendar os acordos

Rebeldes na 10° conferência das FARC, em setembro.

O melhor e o pior da humanidade

Na Colômbia convivem pessoas de nobreza incomum e inteligência com cínicos e manipuladores como Álvaro Uribe

Santos votando neste domingo. SAÚL RUIZ

Em plebiscito, Colômbia vota ‘não’ para a paz com as FARC

Colombianos rechaçam com 50,2% dos votos o entendimento entre Governo e guerrilha

O presidente Juan Manuel Santos, cercado pela equipe de negociação, durante seu discurso depois de conhecer os resultados que deram como vencedor o 'não' no plebiscito pela paz.

Santos: “Não me renderei, continuarei buscando a paz”

O presidente Santos garante que o cessar-fogo se manterá e que escutará quem disse 'não' aos acordos

Humberto de la Calle, nesta semana em Bogotá.

Humberto de la Calle: “Vitória do ‘sim’ não resolverá a polarização da Colômbia”

O negociador-chefe do Governo analisa os quatro anos de negociações antes do plebiscito

Vista do bairro La Chinita, em Apartadó, onde as FARC pediram perdão na sexta-feira por um massacre.

Colômbia escolhe entre guerra e paz

País decide neste domingo em um plebiscito se aprova o acordo alcançado com as FARC

Participantes da última conferência revolucionária das FARC

Quem se curvou na Colômbia?

Domingo ocorre um plebiscito no qual os colombianos terão que votar a favor ou contra um acordo de paz negociado ao longo de quatro anos

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, aperta a mão de Rodrigo Londoño, o Timochenko, líder das FARC, depois da assinatura do acordo final.

Colômbia enterra meio século de guerra

Governo e FARC põem fim a 52 anos de guerra ante respaldo unânime da comunidade internacional

Membros das FARC jogando futebol, no domingo.

Pistoleiros pela paz

Jonathan Powell, Joaquín Villalobos, Bill Ury e Shlomo Ben Ami desempenharam um papel discreto, mas crucial, como assessores do presidente Santos durante o diálogo com as FARC

Ingrid Betancourt, nesta semana em Genebra.

Ingrid Betancourt: “O que surpreende não é que se assine a paz, mas que haja pessoas que votem não”

Ex-candidata presidencial, sequestrada por mais de seis anos pelas FARC, comenta acordo e plebiscito

Imagem da X Conferência das FARC.

O ‘Woodstock’ das FARC antes do final da guerra

Conferência da guerrilha lembra mais um festival que a um evento para encerrar o conflito

Johana, de 19 anos, passou seis nas FARC e gostaria de estudar enfermagem depois da desmobilização como parte do acordo de paz com o governo colombiano.

Retratos do conflito na Colômbia

Juan Manuel Santos durante o foro 'Os benefícios da paz em Colômbia'

Videogaleria | Fórum sobre paz na Colômbia analisa o futuro do país

O presidente da Colômbia e o presidente do grupo PRISA conversam sobre benefícios do fim da guerra

Juan Manuel Santos durante o foro 'Os benefícios da paz em Colômbia'

Santos: “O povo colombiano não entenderia alguém que quisesse deter a história”

O presidente da Colômbia conversa com Juan Luis Cebrián sobre os benefícios da paz no país

Uma frente das FARC em um acampamento no sul da Colômbia.

A vida de guerrilheiros das FARC após depor as armas

Nos últimos 13 anos foram desmobilizadas 59.000 pessoas de grupos armados na Colômbia O estigma é a principal barreira quando tentam se reintegrar à vida civil

Juan Manuel Santos, no avião presidencial, depois da entrevista.

Juan Manuel Santos: “Uma justiça perfeita não permite a paz”

O presidente da Colômbia analisa o acordo assinado com as FARC depois de 52 anos de guerra

Assinatura do alto o fogo em Cuba, em junho.

Assinatura da paz na Colômbia será em 26 de setembro em Cartagena

O referendo para endossar ou não os acordos será realizado no domingo seguinte, 2 de outubro.

Moradores de Barrancabermeja, diante de caixões com fotos dos desaparecidos no massacre de 1998.

Colômbia realiza a busca dos desaparecidos

EL PAÍS mostra, através de uma série de cinco reportagens, o acordo de paz com as FARC

Um policial colombiano anda pela cidade de Toribio

Primeiro dia da Colômbia em paz com as FARC

Cessar-fogo permite comemorar que o país deixará de acumular milhares de mortos pela insensatez da guerra com as FARC

Artistas colombianos durante atuação no Festival de Artes Cênicas de Medellín.

O primeiro dia da paz

A Colômbia encara um futuro sem guerra pela primeira vez em meio século

Colombianos comemoram o acordo de paz com as FARC.

Os últimos dias de negociação entre o Governo da Colômbia e as FARC

Depois de quatro anos, as partes envolvidas chegaram a um acordo em um conclave extenuante

Juan Manuel Santos faz o anúncio da conclusão das conversações de paz com as FARC.

Colômbia em paz

A conclusão das negociações com as FARC constitui um êxito para toda a região

Iván Márquez e De la Calle dão-se as mãos diante do chanceler cubano, Bruno Rodríguez

As FARC terão representação política garantida nas duas próximas legislaturas

A guerrilha contará com porta-vozes no Congresso até as próximas eleições só para discutir os acordos de paz

Iván Márquez e De la Calle dão as mãos diante do chanceler cubano, Bruno Rodríguez.

Colômbia começa uma nova era ao concluir acordo de paz com as FARC

Presidente Santos anuncia que plebiscito para referendar os acordos será realizado em 2 de outubro

Guerrilheiros das FARC reunidos em um barracão.

Quatro anos de negociação cheios de obstáculos

Os tropeços no caminho rumo à paz entre o Governo e as FARC geravam muitas dúvidas Hoje o acordo é uma realidade