José Manuel García Adão, durante um julgamento em 2012 em Pontevedra.

O cafetão espanhol que multava brasileiras até por adoecer

Vítimas da rede de prostituição eram a maioria estrangeiras, sobretudo agenciadas em Goiânia

A muralha de barro de Ichon-Qala, em Jiva (Uzbekistan).
José Manuel García Adán, o principal implicado na Operação Carioca, em 2015

O médico espanhol que fez um aborto à força e sem anestesia em uma prostituta

O ginecologista agiu a pedido do dono do bordel, que tentava proteger um cliente de escândalo. Caso aconteceu em 2009 em Lugo e agora o promotor pede a prisão dos três envolvidos