James Stern, durante uma entrevista em 2012, em Jackson (Mississippi).

Afro-americano se torna líder de grupo neonazista nos EUA e acaba com ele

Ativista californiano James Stern ganhou a confiança do dirigente do Movimento Nacional Socialista, com sede em Detroit, até conseguir que ele lhe cedesse o cargo

Ken Garito (esquerda) e John David Washington, em 'Infiltrado no KKKlan'.

‘Infiltrado na Klan’: a tragédia do delirante

O conjunto, tão desigual quanto interessante, se eleva no final com imagens que alteram as sensações que o filme estava deixando

Jason Kessler, o organizador do protesto do ano passado em Charlottesville e deste domingo em Washington.

Extrema direita só consegue mobilizar 30 pessoas no primeiro aniversário de Charlottesville

Polícia evita incidentes na manifestação de milhares de pessoas em Washington contra a minúscula concentração de supremacistas brancos

Spike Lee nesta terça-feira em Cannes.

A fúria de Spike Lee atropela Trump e a Ku Klux Klan

Cineasta insulta o presidente dos EUA na apresentação de ‘Black Klansman’, a história de um policial negro que se infiltrou no movimento racista

Cena do filme 'Look Who's Back' ('Ele está de volta'), de 2015

A vitória da intolerância

A vitória da extrema-direita no Parlamento alemão é mais um sinal claro de que os que defendem princípios humanistas estão perdendo espaço no mundo

Monumento às Bandeiras, em São Paulo, pichado em 2016

Por que nos importamos com símbolos escravagistas dos EUA e ignoramos os do Brasil?

O debate sobre a permanência de monumentos em homenagem aos bandeirantes ainda passa ao largo do que se discute pelo mundo

David Duke, sábado passado em Charlottesville.

David Duke, ex-líder da Ku Klux Klan: “Trump nos empoderou”

"Foi o esmagador voto branco que o colocou na Casa Branca, e ele deveria se lembrar disso", diz o supremacista branco em entrevista

Trump, durante sua coletiva de imprensa.

Trump justifica falta de firmeza com racistas dizendo que houve “culpa de ambas as partes”

“Havia muita gente boa dos dois lados”, disse o presidente a respeito da marcha de supremacistas brancos e dos protestos antifascistas

Donald Trump caminha para a Casa Branca nesta segunda-feira.

Trump muda o tom e condena Ku Klux Klan e os neonazistas: “O racismo é o mal”

Pressão obriga o presidente dos EUA a alterar seu discurso depois do ataque de Charlottesville e acusar diretamente os supremacistas brancos que o apoiaram

Donald Trump, neste sábado

O ápice da ultradireita caminha lado a lado com Donald Trump

O presidente recebe críticas pela mornidão de sua condenação à violência de grupos neonazistas

Donald Trump, neste domingo na Casa Branca pouco antes de mudar de posição sobre a violência em Charlottesville.

Vazio moral

Trump afronta a ética mais elementar com sua condenação tardia ao racismo

Retrato de John Coltrane

Quem vive numa bolha?

As pessoas cultas que observam horrorizadas o racismo e a ascensão de Trump são tachadas de ingênuas

Trump se dirige em tom ríspido à imprensa em 2015.

Donald Trump se recusa a rejeitar apoio da Ku Klux Klan

David Duke, ex-líder do KKK, respalda o candidato às eleições dos EUA, que o aceita se for conveniente

Protesto contra a presença do KKK em Anaheim, antes do incidente.

Quatro pessoas são esfaqueadas em protesto da Ku Klux Klan em Los Angeles

Confronto ocorreu quando pessoas tentaram impedir manifestação do grupo supremacista branco